domingo, 7
 de 
agosto
 de 
2022

TCE divulga dados definitivos sobre transparência da vacinação nas cidades

Levantamento avalia transparência na vacinação nos municípios do Paraná. Foto: Arquivo/O Regional
Entre os dez municípios do suleste paranaense, notas variam entre 30% e 90%. Quitandinha, Campo do Tenente e Mandirituba são as três melhores posicionadas

O Tribunal de Contas do Estado (TCE-PR) divulgou, nos últimos dias, o relatório definitivo do levantamento sobre a publicidade dada ao processo de imunização da população contra a Covid-19 realizado junto aos 399 municípios do Paraná. Os novos resultados foram obtidos após órgão fazer uma reanálise, a pedido, dos portais da transparência de 41 prefeituras entre os dias 4 e 17 de agosto.

Os últimos dados da pesquisa ITP – Vacinação apontam que, após a revisão final, a média geral de atendimento aos critérios do estudo, que originalmente era de 54,2%, passou de 55,6% para 58,5%. Considerando os números regionais, as notas variam entre 30% e 90%, com destaque para a cidade de Quitandinha, que obteve a melhor avaliação do suleste paranaense, seguida por Campo do Tenente e Mandirituba.

Em Campo do Tenente, a nota alcançada foi de 75% e, na avaliação da secretária de Saúde, Solange Azzolini Costabile, o resultado alcançado reforça a dinâmica de trabalho visando a transparência e compromisso em bem atender a população. “Esse resultado vem de um trabalho em equipe da Secretaria de Saúde, controladoria interna e assessoria de comunicação. Todos os esforços para combater o vírus estão sendo feitos, e ter a população ciente é extremamente importante para que juntos possamos vencer essa batalha e que todos sejam imunizados o mais rápido possível. A transparência demonstra a seriedade com que está sendo conduzida a vacinação em nosso município”, comenta.

O secretário municipal de Administração de Mandirituba, Alysson Gonçales Quadros, destaca que buscar dar transparência aos dados tem sido um trabalho constante da prefeitura nas mais diversas áreas. “A administração se preocupa em disponibilizar informações à população e isso é ainda mais importante neste caso, que é a vacinação contra a Covid-19”, enfatiza o secretário, destacando o número alcançado pelo município.

Baseada em uma nova versão do Índice de Transparência da Administração Pública (ITP), que é um indicador desenvolvido pelo próprio corpo técnico do TCE-PR em 2018, a avaliação consistiu na validação das respostas informadas pelas prefeituras a 11 questões presentes em formulário encaminhado pelo órgão de controle às entidades em março. As perguntas envolviam a divulgação, no portal da transparência ou site oficial do ente jurisdicionado, do plano de ação municipal para efetivar a vacinação da população local; de informações sobre a segurança, eficácia e potenciais riscos e benefícios das vacinas utilizadas; da ordem dos grupos prioritários para serem imunizados, com destaque para a fase vigente no momento; de “vacinômetro”; do quantitativo de insumos e doses de vacinas recebidas ou adquiridas; de canais para denúncia de “fura-filas” e outras irregularidades; de telefones e horários de funcionamento dos pontos de imunização; dos processos de aquisição de insumos e vacinas; e do registro de possível sobra de doses de imunizantes.

No ranking definitivo, o órgão constatou que 144 prefeituras (36%) superaram o índice de 80%; 103, o de 90%; e 50 cumpriram integralmente todos os itens do levantamento. Anteriormente, esses números haviam sido de 128, 90 e 44, respectivamente.

ITP vacinação Covid. Arte: O Regional

 



Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
LinkedIn
Share on telegram
Telegram
Share on whatsapp
WhatsApp
Share on email
Email