terça-feira, 22
 de 
junho
 de 
2021

Prefeitura de Quitandinha amplia o acesso à internet em prédios públicos

Instalação do sistema está sendo realizada nos locais. Foto: Assessoria de Imprensa/Prefeitura de QuitandinhaBuscando facilitar a comunicação entre os prédios públicos, principalmente em escolas e unidades de saúde do interior, a administração municipal de Quitandinha solicitou a instalação da rede de internet em todas as estruturas. O investimento mensal será de aproximadamente R$ 7 mil.

O serviço mínimo é de 10 MB e o investimento deve resultar em uma economia aos cofres públicos, já que somente nos prédios da área central, a prefeitura já investia um valor bem próximo ao que deve gastar agora, mensalmente. Além da economia, a instalação da internet facilita o acesso aos dados, pois no caso da saúde, um funcionário se deslocava mensalmente a cada unidade para salvar informações em um pen drive e depois passar para o sistema e-SUS.

A secretária municipal de Administração e Finanças, Jaqueline Ribas, destaca que este investimento era um anseio antigo, porém, foi necessário passar por todo um processo em que empresas se prontificassem a disponibilizar o serviço no interior da cidade. “Quitandinha é extensa, então algumas empresas disponibilizavam para uma região e para outra não. Abrimos uma consulta pública e as empresas inscritas passaram por um processo licitatório em que a escolhida deveria disponibilizar o serviço em todas as regiões solicitadas. No interior, a internet que conseguimos é via rádio e, mais para o centro, fibra ótica”, aponta Jaqueline, pontuando ainda outra vantagem de se garantir o acesso à internet em todas as unidades básicas: “O histórico do paciente ficará disponível em todas, assim, se ele precisar ser atendido em uma diferente da sua de origem, ficará mais fácil para o médico acessar resultados de exames, por exemplo. Além disso, também facilitará o processo de reposição de medicamentos nas farmácias”, garante.

De acordo com Solange Ribeiro, diretora do CMEI Esperança do Amanhã, uma das instituições beneficiadas, essa era uma grande necessidade para a equipe, que utiliza a internet para enviar informações e documentos para a Secretaria de Educação, além de preparar as aulas. Há mais de um ano, o espaço contava com o serviço, pago com verba da Associação de Pais, Mestres e Funcionários (APMF). “Achei muito bom que a prefeitura tenha tido essa iniciativa, porque a internet é algo muito necessário e, economizando o valor da APMF, vamos poder investir em outras coisas em benefício dos alunos”, ressalta.

Boa parte dos CMEIs, escolas municipais e unidades de saúde já tiveram a rede instalada nas últimas semanas. A prefeitura, secretarias, destacamento da polícia, órgãos da secretaria de Assistência Social, Vigilância Sanitária, Instituto de Previdência, central de veículos, biblioteca e outros setores também receberão o investimento.

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
LinkedIn
Share on telegram
Telegram
Share on whatsapp
WhatsApp
Share on email
Email