sábado, 24
 de 
fevereiro
 de 
2024

Pela quarta vez , Portos do Paraná tem a melhor gestão portuária do Brasil

Comitiva paranaense recebeu a premiação para a Portos em Brasília. Foto: Jonathan Campos/AEN
Comitiva paranaense recebeu a premiação em Brasília. Foto: Jonathan Campos/AEN
Portos de Paranaguá e Antonina alcançaram nota máxima no Índice de Gestão das Autoridades Portuárias (IGAP) na principal categoria entre os portos públicos brasileiros no Prêmio Portos + Brasil, do governo federal

Pelo quarto ano consecutivo, a empresa pública Portos do Paraná tem a melhor gestão portuária do Brasil. O reconhecimento do governo federal veio no Prêmio Portos + Brasil, em cerimônia promovida pelo Ministério de Portos e Aeroportos na noite da última quarta-feira, em Brasília.

Os portos de Paranaguá e Antonina alcançaram novamente nota máxima no Índice de Gestão das Autoridades Portuárias (IGAP) na principal categoria entre os portos públicos brasileiros: 100 pontos. Considerado o mais importante para atestar a capacidade de gerência dos portos, o indicador analisa índices financeiros, contábeis, eficiência operacional, transparência administrativa, estrutura organizacional, regularidade tributária e trabalhista, além da manutenção dos acessos aquaviários.

Na ocasião, o governador Carlos Massa Ratinho Junior destacou a conquista para o Paraná. “É uma demonstração da força do Estado, do crescimento do Paraná, da geração de emprego e do volume que o Paraná tem conseguido exportar e importar. Estamos batendo recordes de movimentação na Portos do Paraná e nos aproximando do início de uma das maiores obras da história, o Moegão, o que pode nos levar a um futuro ainda melhor”, disse.

O secretário de Infraestrutura e Logística, Sandro Alex falou do trabalho realizado no setor. “É a coroação de um trabalho realizada por uma equipe altamente eficiente. O resultado é esse: estarmos aqui disputando e conquistando a melhor gestão pela quarta vez consecutiva e um orgulho para o Estado”, comentou.

O Estado ainda foi destaque em duas categorias entre os portos públicos, conquistando o primeiro lugar na categoria Variação do Lucro Operacional (EBITDA). Outro reconhecimento foi na categoria crescimento de movimentação de carga geral, alcançando o segundo lugar. A métrica mede a quantidade de carga geral movimentada, como cargas em contêineres e veículos, além de produtos em sacas, fardos ou unidades, carregados direto nos porões dos navios.

Evolução – O reconhecimento nacional dos portos de Paranaguá e Antonina ocorre em meio à superação de novas marcas históricas. De janeiro de 2019 a junho de 2023 foram 257,2 milhões de toneladas de cargas movimentadas, além de recorde de melhor semestre em 50 anos em 2023, maior embarque em 24 horas e maior número de caminhões atendidos no Pátio de Triagem.

Segundo o diretor-presidente da Portos do Paraná, Luiz Fernando Garcia, nos últimos quatro anos a empresa pública investiu R$ 543,8 milhões nos portos paranaenses e, neste ano, as obras em andamento já somam R$ 91,5 milhões. “Novamente os portos paranaenses foram reconhecidos com nota máxima em gestão. Isso engrandece o trabalho de todos que fazem parte da comunidade portuária paranaense e demonstra o compromisso do Governo do Estado em oferecer serviços de excelência”, destacou.

Garcia ressaltou ainda a atração de novos investimentos privados com leilões realizados pela autoridade portuária na B3 na ordem de R$ 3,3 bilhões. Os portos paranaenses projetam investimentos de R$ 2,3 bilhões, públicos e privados com obras do Corredor de Exportação Leste em Paranaguá, a construção do Moegão para descargas ferroviárias, dragagem, novos silos, armazéns e esteiras transportadoras.

Prêmio – O Prêmio Portos + Brasil é uma iniciativa do Ministério de Portos e Aeroportos, reconhecendo o primeiro, segundo e terceiro lugares os portos em 10 categorias. A comunidade portuária paranaense também foi premiada. A Cattalini Terminais Marítimos ficou com o terceiro lugar na categoria crescimento de movimentação de granéis líquidos.

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
LinkedIn
Share on telegram
Telegram
Share on whatsapp
WhatsApp
Share on email
Email