sábado, 2
 de 
julho
 de 
2022

Politicando 27/04/2018

O dilema do Osmar

O pré-candidato ao governo do estado, Osmar Dias (PDT), vive o dilema da formação de chapa para ter um tempo mínimo de programa eleitoral na televisão. Hoje, apenas com o PDT e o Solidariedade, Osmar teria menos de 1 minuto de programa eleitoral. A alternativa para aumentar o tempo é engrossar a coligação com o PMDB estadual. Acontece que junto com o tempo de TV do PMDB vem toda a rejeição do senador Roberto Requião.

Time Osmar

Por falar em Osmar Dias, quem saiu na defesa da sua candidatura em razão da ausência do apoio do irmão e senador Álvaro Dias (Pode) foi o secretário geral do PDT, Adalberto Grein. Ele fez duras críticas a Álvaro Dias nas redes sociais e disse que enquanto Osmar tem uma postura de construção de alianças, o irmão tem posição contrária. “Se temos um projeto viável é para o governo, presidência é para alimentar egos”, escreveu Grein se referindo a pré-candidatura presidencial de Álvaro Dias.

Federal

Tudo indica que Fazenda Rio Grande terá um “Recordar é Viver” em se tratando de disputa eleitoral. Dois candidatos com nomes expressivamente conhecidos pela população vão disputar os mesmos votos para as vagas de deputado federal. Trata-se do deputado Toninho Wandscheer (Pros), que concorre a reeleição, e do ex-prefeito Chico Santos (PSDB). A curiosidade, neste caso, é que ambos estarão na coligação da governadora e candidata Cida Borghetti (PP).

Recursos do governo

A governadora Cida Borghetti (PP) confirmou na última quarta-feira mais de R$ 31 milhões para investimentos em 43 municípios do Paraná. Ela destacou que os recursos são a fundo perdido e se destinam a projetos como recape asfáltico, compra de máquinas, equipamentos e caminhões e de veículos para uso em diversas áreas da administração. Na região estão contemplados Mandirituba com R$ 46,9 mil e Piên com R$ 47,7 mil.

Mandirituba

O Tribunal de Contas do Estado do Paraná se manifestou pela reprovação das contas dos exercícios de 2000 a 2001 do ex-prefeito de Mandirituba, Luiz Carlos Chemim. Segundo o documento, uma série de irregularidades foi identificada. A câmara de vereadores estará agora notificando o ex-prefeito para que ele apresente defesa. Em seguida, as comissões legislativas se reúnem e votam pela reprovação ou não. As contas de 1999 de Chemin já foram reprovadas e na última eleição ele foi candidato graças a uma liminar.

Campo do Tenente

A presidente da câmara de vereadores de Campo do Tenente, Solange Favaro (PSB), salientou que não há nenhuma indicação judicial para a realização do concurso público na casa, mas sim o cumprimento de um acordo com a promotora de que o concurso seria realizado ainda nesta gestão. Solange diz ainda que é grata a todo o empenho da equipe do legislativo para que o concurso seja promovido e sua realização demonstra todo interesse pela legalidade na gestão da casa.

Sessão itinerante da câmara de vereadores de Quitandinha, na comunidade de Ribeirão Vermelho. Foto: DivulgaçãoQuitandinha

Teve início nesta semana a programação de sessões itinerantes da câmara de vereadores de Quitandinha. A nona sessão ordinária aconteceu na comunidade de Ribeirão Vermelho. O presidente Carlinhos Moura (PSC), reforçou que a intenção é aproximar os trabalhos do legislativo das comunidades e dar oportunidade para que moradores das comunidades rurais também contribuam na atividade parlamentar.

Calendário

Em se tratando do calendário eleitoral desse ano, há duas datas importantes no horizonte próximo. Dia 9 de maio é o último prazo para o eleitor requerer a sua inscrição eleitoral, alterar dados cadastrais ou transferir o domicílio eleitoral e ficar apto a votar nas eleições desse ano. E dia 7 de junho é o limite para descompatibilização de dirigentes de classe e servidores em cargos de comissão que pretendem disputar a eleição de 2018.

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
LinkedIn
Share on telegram
Telegram
Share on whatsapp
WhatsApp
Share on email
Email