sábado, 2
 de 
julho
 de 
2022

Paraná reverte déficit e tem saldo de US$ 1,7 bi na balança comercial

Exportação de papel pelo Porto de Paranaguá/Foto: DivulgaçãoO Paraná acumulou um saldo na balança comercial de US$ 1,7 bilhão de janeiro a setembro. As exportações somaram US$ 11,6 bilhões e as importações totalizaram US$ 9,9 bilhões no período. Os dados, da Secretaria de Comércio Exterior do Ministério do Desenvolvimento, Indústria e Comércio, mostram que o Paraná respondeu por 16,5% do superávit nacional no período, que somou US$ 10,2 bilhões.
O resultado acumulado inverteu o déficit registrado no mesmo período do ano passado, quando as importações tinham superado as exportações em US$ 380 milhões.
Seguindo a tendência nacional, tanto as exportações como as importações paranaenses acumulam queda em 2015, mas, com o dólar alto, a compra de itens e produtos de outros países teve uma queda maior: de 25,7%.
As receitas de exportações, por sua vez, tiveram recuo de 10% na mesma base de comparação, pressionadas principalmente pela queda das cotações internacionais da soja.
Levantamento do Instituto Paranaense de Desenvolvimento Econômico Social (Ipardes) com base nos números da Secretaria de Comércio Exterior mostra que a receita do complexo soja – responsável por 35% da pauta de exportações paranaenses – teve recuo de 18,3% nos primeiros nove meses do ano na comparação com o mesmo período do ano passado, para US$ 4,1bilhões.
“Os preços da soja caíram em média 26% em dólar no período, mas em volume as exportações tiveram alta de 8%, o que ajudou a compensar em parte a piora das cotações”, diz o diretor do Centro de Pesquisa do Ipardes, Daniel Nojima.

Fonte: AEN

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
LinkedIn
Share on telegram
Telegram
Share on whatsapp
WhatsApp
Share on email
Email