domingo, 7
 de 
agosto
 de 
2022

Mandirituba comemora 55 anos de emancipação político-administrativa

Praça Bom Jesus é um dos principais cartões postais do município emancipado no ano de 1960/Foto: O RegionalO município de Mandirituba comemora neste sábado 55 anos de emancipação político-administrativa. A cidade, que já foi uma grande potência na criação de frangos e conhecida como a capital da camomila, contabiliza avanços, no entanto, precisa de muitos investimentos.
Emancipada de São José dos Pinhais, em 1960, Mandirituba tem grande parte da sua área no perímetro rural e com isso tem como carro-chefe na economia a agricultura, a qual passou por percalços, mas que vem sendo superados com a criatividade e a força de vontade do homem do campo. Na área industrial, o município também avançou com a instalação de importantes empresas, mas espera-se sempre mais devido à proximidade com a capital do estado e agora com a duplicação da BR 116.
Com vários grupos políticos, o município também viveu diversas incertezas nos últimos anos. Áreas como o Esporte e a Cultura precisam de investimentos maiores, além de obras de infraestrutura, principalmente em pavimentação, já que a cidade possuiu uma demanda extensa tanto na área central como nos bairros. Os pontos favoráveis estão na implantação da Guarda Municipal e do Armazém da Família.
Em seu primeiro mandato à frente do município, o prefeito Onildo Gelatti destacou todo o empenho realizado pela administração. “Mesmo com o período de crise que vivenciamos nos últimos meses, estamos buscando avançar em importantes setores. Trabalhamos para deixar um legado à população, que merece todo este esforço”, destacou o prefeito.

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
LinkedIn
Share on telegram
Telegram
Share on whatsapp
WhatsApp
Share on email
Email