sexta-feira, 24
 de 
setembro
 de 
2021

Mais de 100 casos confirmados de coronavírus em todo o Paraná

Milhares de exames laboratoriais estão sendo realizados em todo o país para identificar possíveis casos da doença. Foto: Jaelson Lucas/AENUm novo boletim da Secretaria de Estado da Saúde (Sesa), divulgado na tarde de ontem, contabilizava 106 casos confirmados de coronavírus em todo o Paraná, além de 613 suspeitos e outros 3.487 descartados. Nas cidades da região, até o fechamento desta reportagem, a Sesa e as secretarias municipais haviam notificado um caso confirmado para Covid-19, 151 suspeitos e 17 descartados.

O panorama da doença aponta para pacientes infectados em Campo Largo (1), Colombo (2), Curitiba (66), Pinhais (3), Rio Negro (1), Ponta Grossa (3), Pato Branco (2), Foz do Iguaçu (5), Cascavel (2), Campo Mourão (1), Cianorte (6), Paranavaí (1), Maringá (3), Faxinal (1), Londrina (3), Guaíra (1), Telêmaco Borba (1), além de casos de São Paulo (3) e Brasília (1), onde os pacientes foram diagnosticados e procuraram tratamento no Estado, mesmo morando em outro local. Todos os diagnosticados seguem em isolamento e recebendo acompanhamento por parte das equipes de saúde dos municípios e do Estado.

Na manhã de ontem, por meio de vídeo em uma rede social, a equipe da Secretaria de Saúde de Rio Negro confirmou a primeira pessoa infectada por coronavírus no município. “É uma jovem, de 29 anos, que não esteve em outro país neste período, esteve apenas em Curitiba e Balneário Camboriú. Ela não foi contaminada fora do país, é um caso importado de contaminação, não é dentro do município de Rio Negro”, detalhou a secretária Simone Gondro.

Na oportunidade, a secretária reforçou para que as pessoas permaneçam em casa e redobrem os cuidados. “Damos o alerta para a população, mais uma vez, pedindo para que se mantenha em casa, utilize dos cuidados básicos e que os idosos sejam atentos neste momento às orientações para evitar uma possível transmissão”, orientou.

Em videoconferência realizada nesta semana na Assembleia Legislativa, o secretário de Estado da Saúde, Beto Preto, apresentou um panorama das iniciativas do governo para o enfrentamento do coronavírus e a estrutura de retaguarda para possíveis casos mais graves e que demandem hospitais. “Temos uma estrutura robusta, com hospitais que podem atender com tranquilidade a nossa população em casos mais graves. Além disso, e sendo necessário, vamos ampliar a oferta de forma escalonada”, explicou.

Segundo o secretário, novos equipamentos estão sendo adquiridos, especialmente luvas, máscaras, e que vão atender a necessidade de profissionais de saúde. A projeção do Ministério da Saúde é de que o Paraná tenha 10 mil casos. “Cerca de 90% dos casos serão leves e não vão precisar de um atendimento mais complexo do ponto de vista de saúde pública. Muitos também sequer vão manifestar sintomas. E nesta parcela que vai precisar de atendimento, a maioria terá um atendimento ambulatorial”, detalhou.

Boletim nacional – O Ministério da Saúde confirmou na tarde de ontem 2.915 casos de Covid-19 em todo o país, com 77 mortes. A taxa de letalidade, conforme a pasta, é de 2,7%. A cidade vizinha de São Bento do Sul, em Santa Catarina, tinha, até a tarde de ontem, quatro casos suspeitos e cinco descartados, e não contabilizava nenhum confirmado.

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
LinkedIn
Share on telegram
Telegram
Share on whatsapp
WhatsApp
Share on email
Email