sábado, 18
 de 
setembro
 de 
2021

Jorge Quege anuncia aquisição do casarão Villa Anna em CTenente

Prefeito Jorge Quege relata que compra do casarão é um grande avanço para o município. Foto: Arquivo/O RegionalUm dos principais cartões postais de Campo do Tenente agora pertence ao poder público. Na última sexta-feira, a prefeitura concretizou a compra do casarão Villa Anna, finalizando um processo de negociação que havia sido iniciado ainda no ano passado.

De acordo com a prefeitura, a estrutura conta com terreno de 10 mil metros, dispondo de área construída de 1.420m². “Além do casarão, que conta com subsolo e três pisos, há ainda uma outra construção paralela que antes era utilizada como armazém”, detalha o chefe do Departamento de Patrimônio da prefeitura, Arildo José da Silva. Ao todo, o município investiu R$ 2,7 milhões na compra desta estrutura.

A nova aquisição foi construída por volta de 1907 pelo Major Henrique Sthalke, abrigando os aposentos da família e um armazém. “Na época, havia uma serraria que empregava várias pessoas, além da linha férrea que passava pelo local. Com a desativação do trem, a empresa faliu e o casarão aos poucos foi sendo desativado”, conta Arildo.

Antigo armazém poderá abrigar um restaurante com comidas típicas da cidade. Foto: Arquivo/O Regional

Após concluir a compra, a prefeitura atendeu à solicitação dos antigos proprietários para terem um prazo de 30 dias para retirarem alguns bens do imóvel. “Duas salas serão mantidas intactas, onde queremos implantar um museu, reunindo também outras peças antigas”, relata Arildo, salientando que a ocupação do imóvel ainda está sendo estudada. “Temos muitos pontos a serem analisados, no entanto, a Educação, Cultura e Esporte é uma das secretarias que estará neste novo local. Na parte do antigo armazém, pretendemos fazer um chamamento público para receber um restaurante que ofereça comida típica”, comenta.

Para o prefeito Jorge Quege, a compra deste patrimônio é um grande avanço para a estrutura do poder público. “Iríamos construir novos espaços para concentrar o trabalho das secretarias. No entanto, a compra do casarão, que havia sido sonhada por muitos anos, nos foi apresentada e fizemos o possível para adquirir este imóvel, que é um grande marco para a cidade e que pode abrigar vários segmentos da administração. Além disso, vamos cuidar do patrimônio histórico do município”, destaca Quege.

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
LinkedIn
Share on telegram
Telegram
Share on whatsapp
WhatsApp
Share on email
Email