sábado, 25
 de 
setembro
 de 
2021

Governo concede incentivo e empresa aproxima a instalação em Mandirituba

Uma nova etapa do processo de instalação da empresa foi concluída em reunião realizada na última quarta-feira, no Palácio Iguaçu. Foto: Rodrigo Félix Leal/AENAtrair a instalação de empresas e fomentar a geração de empregos no município é uma das principais metas da prefeitura de Mandirituba. Este projeto teve um avanço significativo nesta semana, quando a empresa Adimax e o governo do estado assinaram a documentação que garante incentivos fiscais por parte do poder público.

A cerimônia foi realizada no Palácio Iguaçu e contou com a presença do prefeito Luis Antonio Biscaia, da vice-prefeita Rosilene Vonsovicz Weber, do governador Carlos Massa Ratinho Junior, do chefe da Casa Civil, Guto Silva, secretários de estado, e de representantes da empresa. Na ocasião, o governo concedeu benefícios fiscais para que o empreendimento possa se instalar em Mandirituba. O investimento inicial é de R$ 14,6 milhões

De acordo com o procurador geral da prefeitura de Mandirituba, Evandro Krachinski, as tratativas com a empresa foram iniciadas há cerca de um ano. “A conclusão desta etapa é uma peça chave e fundamental para que possamos avançar neste projeto”, ressalta. A prefeitura irá agora encaminhar a câmara de vereadores um projeto de lei para ceder uma área onde a empresa irá se instalar. “Este imóvel não será doado, mas sim repassado ao empreendimento que deverá realizar investimentos públicos na mesma ordem financeira como contrapartida”, pontua. A expectativa é de que as obras de instalação sejam iniciadas ainda neste ano.

Atuando no ramo de fabricação de ração animal e contando com marcas como a Magnus, a Adimax é uma empresa brasileira com matriz em São Paulo e filiais em Goiás, Minas Gerais e Pernambuco. “Esta será a primeira unidade na região Sul e que inicialmente deverá gerar cerca de 100 empregos. Em um segundo momento, a projeção é que sejam implantadas quatro linhas de produção e ampliada significativamente as vagas de trabalho”, detalha Evandro.

Segundo o governador Ratinho Junior, este investimento do segmento privado irá colaborar com o processo de retomada econômica do Estado. “Hoje consolidamos no Paraná a chegada de uma grande empresa, uma das maiores fabricantes de ração da América do Sul. É mais um cartão de visitas que ganhamos para atrair novos investimentos”, ressaltou.

Para o prefeito Luis Antonio, a vinda da empresa irá fomentar também o setor agrícola da região. “A fabricação da ração necessita de produtos como a soja e o milho que podem ser fornecidos pelos agricultores locais. Além disso, este empreendimento não é poluente e garantirá que centenas de pessoas não precisem sair de Mandirituba, enfrentando várias horas de ônibus para trabalhar”, destaca o prefeito, que agradece ao apoio do governo do estado. “Este suporte foi determinante para que concretizássemos mais uma importante etapa neste processo”, finaliza.

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
LinkedIn
Share on telegram
Telegram
Share on whatsapp
WhatsApp
Share on email
Email