segunda-feira, 26
 de 
fevereiro
 de 
2024

EM 2023 A COMUNICAÇÃO INSTANTÂNEA SERÁ O CARRO CHEFE NAS REDES SOCIAIS

Como as pessoas com smartphone passam seu tempo? Vídeos? Jogos? Essa pergunta foi respondida pelo recente relatório Panorama Mobile Time/Opinion Box, sobre o uso de aplicativos no Brasil, uma pesquisa independente realizada entre o site de notícias Mobile Time e a Opinion Box, especialista em pesquisas.

Os números apontam que o Instagram superou o WhatsApp e se tornou o aplicativo em que o brasileiro passa mais tempo ao longo do dia, com 35% dos usuários de smartphone apontando a rede social como a preferida. No ano anterior, o Insta estava em segundo lugar, com 27% dos entrevistados escolhendo como o principal.

A pesquisa mostrou que 41% das mulheres citaram o Instagram como seu aplicativo preferido, contra 27% dos homens. Já 45% dos jovens até 29 anos adotaram a rede social como a principal para navegar o dia inteiro.

Para Ediney Giordani, CdO da KAKOI Comunicação, o sucesso do Instagram, principalmente pelo público feminino e mais jovem, não surpreende: “O Instagram sabe disso e focou sua estratégia na promoção de vídeos pelo Reels, perfeito para quem fica o dia todo conectado e quer consumir conteúdos rápidos. A aposta deu certo e o Insta se distancia das plataformas de vídeos curtos, como TikTok e Kwai. É mais fácil de engajar com o aplicativo aberto e essa exposição está sendo aproveitada pelas empresas mais antenadas”

WhatsApp consolidado
Sobre comunicação instantânea, a pesquisa mostrou que o WhatsApp segue imbatível.  O aplicativo é o mais presente na tela inicial de 54% dos smartphones no Brasil e como líder do ranking do aplicativo que permanece aberto por mais tempo ao longo do dia, com os mesmos 54%. Na pesquisa, o público masculino que utiliza o WhatsApp é de 33% – e este percentual aumenta para 34% quando o público tem 50 anos ou mais:

“O que surpreende é como o Telegram, que vinha crescendo um ano antes, estacionou e perdeu espaço para o WhastApp, principalmente na modalidade homescreen. A transformação digital é uma realidade no mobile e o WhatsApp mantém a imagem de confiável, seja na comunicação pessoal, para compras, agendamento de consultas ou apenas para procurar conteúdos. Muitos usam o WhatsApp para trabalho, que se tornou indispensável principalmente quando tivemos estes cenários de crise na pandemia. Muitos pedidos foram realizados por este aplicativo pela agilidade, por não cobrar como em uma ligação tradicional e pelo aumento nas vendas de aparelhos smartphones.”

Os dois campeões da pesquisa estão se reinventando constantemente e começaram criando uma base robusta de usuários. Agora, tanto WhatsApp quanto Instagram estão começando a monetizar seus produtos:

“O WhatsApp está cobrando pelas conversas mantidas por empresas com consumidores e segue em processo de criação de funcionalidades inéditas, como pagamentos, comunidades e parcerias. A entrada da Uber no WhatsApp é um bom exemplo. Agora é possível pedir corridas em algumas cidades do Nordeste usando o aplicativo de conversas. Já o Instagram segue faturando com publicidade o dia inteiro, surfando na onda do consumo imediato de Reels. O ano de 2023 será o ano da comunicação ágil para todas as empresas” completa Ediney.

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
LinkedIn
Share on telegram
Telegram
Share on whatsapp
WhatsApp
Share on email
Email