sábado, 25
 de 
maio
 de 
2024

Como economizar água?

Em 2020 e 2021 passamos por uma longa estiagem que é a redução acentuada no volume das reservas hídricas da superfície e do subsolo, em uma dada região, afetando o fluxo dos rios e a produtividade agropecuária. Já a seca é a redução acentuada no volume das reservas hídricas da superfície e do subsolo, em uma dada região, afetando o fluxo dos rios e a produtividade agropecuária (letrasambientais.org.br).

Segundo a Confederação Nacional dos Municípios (CNM) os prejuízos causados pela seca no País, no período 2012-2015, ultrapassaram os R$ 151 bilhões, tanto no poder público quanto no setor privado. A região do Nordeste é a mais afetada, com pouco mais de R$ 104 bilhões, correspondendo a cerca de 69% do total. Também de acordo com a Organização das Nações Unidas (ONU), no Brasil o índice de consumo de água na agricultura chega a 72%, com uma área irrigável de aproximadamente 29,6 milhões de hectares. Já a indústria nacional consome aproximadamente 22% da água, quase o triplo dos 6% de uso exclusivamente humano. O desperdício no Brasil também é preocupante e chega a ficar entre 50% e 70% nas cidades.

Estas informações acima nos fazem refletir sobre a importância de utilizarmos de maneira responsável este recurso que, sem ele, somos fragilizados. Primeiramente entendendo que sem água a agricultura é impactada diretamente, ou seja, o agricultor consciente preserva floresta para garantir água. Num segundo momento, a indústria já trabalha com água de reuso, evitando a utilização deste recurso em seu estado inicial. Por fim, nós consumidores, devemos desenvolver ações para evitar o desperdício. Isso pode começar avisando as empresas de saneamento quando houver algum tipo de vazamento na rua ou agindo caso isso ocorra em nossa residência.

De maneira mais prática em nosso dia a dia devemos otimizar o nosso banho, desligar a torneira ao escovar os dentes, ensaboar todas as louças de uma só vez, limitar o uso da máquina de lavar reaproveitando a água da mesma, não lavando calçadas com mangueira e por aí aonde mais a nossa inteligência e imaginação permitir.

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
LinkedIn
Share on telegram
Telegram
Share on whatsapp
WhatsApp
Share on email
Email