terça-feira, 26
 de 
outubro
 de 
2021

Vereadores da Lapa discordam de licitação de 5 milhões para tacografos

Vereador Dango Leonardi/Foto:ArquivoUm edital lançado nesta semana pela prefeitura da Lapa abrindo concorrência pública para a contratação de uma empresa especializada para a manutenção e reparos em tacógrafos e calibrador de pneus surpreendeu parte da população e vereadores com o valor proposto para o serviço em 5,069 milhões de reais.

Todo esse montante é previsto para a frota de 50 veículos, entre caminhões, ônibus e micro ônibus de todos os setores do município. E desse valor, 10 mil reais serão apenas para a manutenção de calibradores de pneu.

Segundo dados pesquisados pelos vereadores Dango Leonardi e Célio Guimarães junto a representantes de peças de tacógrafos, a peça é trocada apenas quando acontece uma pane ou quando o equipamento é roubado, já que há gangues especializadas no roubo deste item (utilizado na fiscalização da velocidade do veículo de carga e indispensável nos painéis). E entre os quase 50 veículos da prefeitura que usam este equipamento, uma boa parcela foi adquirida recentemente, o que descarta a troca por um bom período, exceto em caso de roubo.

Os vereadores vão pedir explicações sobre o valor exorbitante da licitação. “Enquanto que a saúde, as estradas rurais e a habitação continuam com grande demanda, existem exageros desnecessários em outras áreas”, comenta Dango Leonardi.

Na Lapa, segundo Dango, levando em consideração que um tacógrafo custa em média 1,5 mil reais, a prefeitura poderia realizar a troca do equipamento em todos os veículos anualmente e durante 85 anos não faltaria o material.

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
LinkedIn
Share on telegram
Telegram
Share on whatsapp
WhatsApp
Share on email
Email