quarta-feira, 10
 de 
agosto
 de 
2022

Um ano de recessão?

O ano começou com muita gente falando em recessão financeira e crise. No setor público, a dificuldade de recursos já atinge todas as esferas e compromete a execução de obras e prestação de serviços. Na indústria, os primeiros dias de 2015 foram de incertezas e até demissões. Preocupação que se estende até o comércio e finalmente às famílias brasileiras.
Com recessão ou não, a recomendação é de cautela e muita responsabilidade nas finanças, principalmente nesta época do ano, onde há muitas despesas. Além de pagar as tradicionais faturas de IPTU, IPVA, seguro e mensalidades, é importante planejar o ano, principalmente se existe intenção de futuros investimentos.
A contenção de despesas é muitas vezes uma oportunidade de reeducação financeira e de estimular a criatividade. E isso vale para um órgão público, empresa, comércio e o cidadão comum. Muitas vezes é diante da dificuldade que surgem grandes ideias e belas histórias.
Onde existe o pessimismo também há o otimismo, depende muito da forma e disposição de cada um para encarar situações adversas. Quando se tem planejamento, responsabilidade e força de vontade fica muito mais fácil fazer diferença e avançar, mesmo contra a maré.

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
LinkedIn
Share on telegram
Telegram
Share on whatsapp
WhatsApp
Share on email
Email