segunda-feira, 18
 de 
outubro
 de 
2021

Tijucas do Sul implanta nova edição do Refis

Equipe do setor de Tributação da prefeitura é a responsável por renegociar com os contribuintes. Foto: Arquivo/O RegionalVisando aumentar suas receitas e dar um respiro aos seus combalidos cofres, a prefeitura de Tijucas do Sul está em vigência com o Programa de Recuperação Fiscal (Refis) 2017. Através desta iniciativa, os contribuintes têm vantagens para regularizarem suas pendências com a fazenda municipal.

De acordo com a prefeitura, o programa se estenderá até o próximo dia 31 de agosto. “O contribuinte com pendências de anos anteriores, como com IPTU e alvará, poderá renegociar suas dívidas. Caso a opção for pelo pagamento à vista, será concedido desconto de 100% em juros e multa. Já se a preferência for pelo parcelamento, é possível a divisão em até 36 vezes, com descontos em juros e multa de até 70%, sendo que o valor mínimo da parcela é de R$ 50,00”, explicou a auxiliar administrativo, Mariza Letícia Flor de Lima.

Segundo informações do executivo, o município tem a receber R$ 10,2 milhões, sendo que a taxa de inadimplência chega a 40%. Vale destacar que o contribuinte com pendências poderá ser inscrito em dívida ativa, não obtendo certidão negativa, acesso negado a financiamentos e é impedido de participar de licitações.

Para o prefeito Cesar Matucheski, o fortalecimento das receitas é imprescindível para a recuperação financeira do município. “Vivemos um momento de turbulência e é necessário a ajuda de todos para que possamos modificar este quadro. O Refis é uma das medidas adotadas, no entanto, em 2018 não estaremos realizando este programa”, destacou o prefeito.

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
LinkedIn
Share on telegram
Telegram
Share on whatsapp
WhatsApp
Share on email
Email