quarta-feira, 12
 de 
junho
 de 
2024

Produtores de Campo do Tenente são certificados com o SIM

Produtores de Campo do Tenente são beneficiados com o Serviço de Inspeção Municipal (SIM). Foto: Assessoria de Imprensa/Prefeitura de Campo do Tenente
Produtores de Campo do Tenente são beneficiados com o Serviço de Inspeção Municipal (SIM). Foto: Assessoria de Imprensa/Prefeitura de Campo do Tenente
Secretaria Municipal de Agricultura Pecuária implementou o Serviço de Inspeção Municipal (SIM) para garantir a segurança alimentar e a qualidade dos alimentos de origem animal produzidos na cidade

Uma nova ferramenta vai auxiliar produtores de Campo do Tenente na produção e comercialização de alimentos de origem animal. A prefeitura, por meio da Secretaria Municipal de Agricultura Pecuária, implementou o Serviço de Inspeção Municipal (SIM), para garantir a segurança alimentar.

Com o objetivo de assegurar a qualidade sanitária dos alimentos produzidos no município e que chegam até a mesa dos consumidores, o SIM ainda garante que os alimentos estejam em conformidade com as normas sanitárias, sendo seguros para o consumo.

O prefeito Weverton Vizentin enaltece que o serviço é um passo importante na valorização da produção local e na proteção da saúde da população. “Com muito orgulho, não somente como prefeito, mas como produtor e médico veterinário, sei da importância que é ter o SIM em uma cidade. Poderemos comercializar os produtos da nossa terra em 31 municípios da região”, comenta.

Segundo Endrio de Abreu Paulino, diretor do Departamento de Meio Ambiente, dois produtores já estão certificados pelo SIM e quatro estão em fase de certificação. “Os principais produtos certificados pelo SIM são embutidos de carne como linguiça defumada e salame defumado. Dos produtos em fase de cadastramento estão o mel, derivados de leite, entrepostos de carnes e ovos”, explica.

O diretor ainda detalha as etapa para obtenção do SIM, reforçando que Campo do Tenente está inovando com serviços digitais. “Começamos com consulta prévia, com a parte de documentos e liberação de licenças de funcionamento da atividade que pretende legalizar. Depois vem certificação em si que vai contar com acompanhamento conforme segmentos que quer legalizar se onde entra os pré requisitos da legalização e, por último, que é contínuo e parte de inspeção fiscalização que é acompanhamento da produção onde entram também as capacitações. Isso tudo de em formato digital com uso de tecnologia artificial para atendimento na hora que o produtor precisa”, conclui.

O programa do Serviço de Inspeção Municipal conta ainda com suporte da empresa Cooltivando/NeoCiclo.

 



Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
LinkedIn
Share on telegram
Telegram
Share on whatsapp
WhatsApp
Share on email
Email