terça-feira, 26
 de 
outubro
 de 
2021

Ratinho Jr pretende acabar com a aposentadoria de governadores

Governador vem adotando uma série de medidas para conter os gastos e mordomias. Foto: Rodrigo Felix Leal/AENUm dos compromissos assumidos ainda em campanha pelo governador Carlos Massa Ratinho Junior é acabar com as mordomias dos políticos, fazendo com que o estado tenha maior fluxo de caixa e possa assim qualificar os serviços públicos. Na última semana, uma nova medida foi anunciada neste sentido, a qual propõe o fim do pagamento de aposentadoria de governadores.

A legislação atual dá o direito aos ex-governadores, mesmo os que ocuparam o cargo de forma temporária, a receber uma aposentadoria vitalícia, que corresponde a um subsídio mensal de R$ 30.471,11. Atualmente, este benefício é pago a nove ex-governadores e três viúvas de ex-mandatários.

Para validar esta mudança, o governador irá encaminhar a Assembleia Legislativa uma Proposta de Emenda Constitucional (PEC) que pede o fim deste benefício. “Esta é uma mordomia que vem de décadas e que sobrecarrega o estado. Assumimos um compromisso de diminuir o inchaço da máquina pública e estamos dando o exemplo para todo o Brasil”, destacou Ratinho.

O documento será agora analisado pelo legislativo e depende da aprovação dos deputados para que entre em vigor.

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
LinkedIn
Share on telegram
Telegram
Share on whatsapp
WhatsApp
Share on email
Email