terça-feira, 28
 de 
maio
 de 
2024

Quase 60 mil embalagens vazias de agroquímicos são coletadas em Rio Negro

Coleta de embalagens foi realizada no município no mês passado. Foto: Assessoria de Imprensa/Prefeitura de Rio Negro
Coleta itinerante aconteceu no mês de agosto e mobilizou mais de 600 produtores rurais

Em ação coordenada pela Associação dos Comerciantes de Defensivos do Vale do Iguaçu (Acodevali), em conjunto com a prefeitura de Rio Negro, por meio da Secretaria de Agricultura e Meio Ambiente, e com o apoio de cooperativas, associações e empresas que comercializam defensivos agrícolas na região, no último mês de agosto houve a coleta itinerante de embalagens vazias de agroquímicos no município de Rio Negro. No total foram recebidas 59.642 embalagens neste ano.

Mais de 600 produtores rurais de Rio Negro contribuíram com suas responsabilidades legais e com o meio ambiente, realizando a devolução de embalagens vazias de defensivos agrícolas. Em 2021, foram devolvidas 40.431 embalagens.

Segundo Gilson Viero, gerente da Acodevali, após serem devolvidas pelos agricultores, as embalagens vazias são classificadas quanto à tríplice lavagem e enviadas para o destino adequado: reciclagem ou incineração. A cooperativa aponta que mais de 90% do volume de embalagens coletadas na região vai para a reciclagem, isso graças aos agricultores que fazem adequadamente o procedimento de lavagem, enquanto as demais embalagens que vão para incineração são as flexíveis e usadas no tratamento de sementes, que não são tríplice laváveis, e uma pequena quantidade de embalagens que deveriam ser lavadas adequadamente, mas não foram.

Para a devolução das embalagens vazias não é necessário apresentar qualquer tipo de documento fiscal.  A legislação brasileira determina que todas as embalagens rígidas de defensivos agrícolas devem ser submetidas a um processo de lavagem, prática que reduz os resquícios do produto na embalagem, impedindo que esses resíduos sequem e, assim, contaminem a própria embalagem.

Além disso, os procedimentos de lavagem garantem a utilização de todo o produto, evitando tanto o desperdício como a contaminação do meio ambiente. Com a reciclagem das embalagens são produzidos materiais que são permitidos pela fiscalização, como carriola para carrinho de mão, embalagem para óleo lubrificante, tubo corrugado para passagem de fiação elétrica, caixa para bateria de carros, entre outros.



Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
LinkedIn
Share on telegram
Telegram
Share on whatsapp
WhatsApp
Share on email
Email