segunda-feira, 20
 de 
setembro
 de 
2021

Politicando 29/01/2021

Lixo metropolitano I

O Tribunal de Contas do Estado do Paraná (TCE-PR) determinou que o Consórcio Intermunicipal para Gestão de Resíduos Sólidos Urbanos (Conresol), formado pelos municípios da Região Metropolitana de Curitiba (RMC), corrija a licitação realizada para a concessão do sistema integrado e descentralizado de tratamento de resíduos e disposição de rejeitos dos consorciados. A decisão atende representação da empresa Revita Engenharia. A Concorrência Pública para a concessão do tratamento e disposição do lixo da RMC tem valor máximo de R$ 2.286.588.715,00.

Lixo Metropolitano II

O Tribunal de Contas determinou que o certame, ou o novo processo licitatório que o substitua, não exija propriedade ou localização prévia; não preveja outorga com destinação de recursos a atividades fiscalizatórias exercidas no âmbito do próprio contratante; e, no caso de previsão de outorga com finalidade distinta de atividade de fiscalização exercida no âmbito do próprio contratante, contemple expressamente a periodicidade do reajuste.

Prefeito Altair Gringo. Foto: Arquivo/O RegionalTijucas do Sul

O prefeito de Tijucas do Sul, Altair Gringo (PP), assim como ocorre em toda a região, tem se mostrado preocupado com a manutenção das estradas devido às constantes chuvas das últimas semanas. Ele contou que o município tem 1500 quilômetros de vias rurais e a preocupação é porque, além de elas serem utilizadas para escoamento da produção, há sinalização do estado para volta às aulas e, consequentemente, deve recomeçar a circulação do transporte escolar.

Agudos do Sul

A Câmara de Agudos do Sul, através do presidente Nide Ferreira (PSD), transferiu R$ 27.135,43 ao poder executivo para que a prefeitura adquira saibro para as estradas rurais. O valor é resultado de economias de 2020, quando o legislativo tinha como presidente o vereador Everson Adolphatto (PSB). Segundo Nide, a melhoria das estradas é de grande importância principalmente para os agricultores,

Vereador Eleandro Meira de Andrade, o Galo. Foto: Arquivo/O RegionalQuitandinha

O presidente da câmara de Quitandinha, Eleandro Meira de Andrade, o Galo (Pode), garantiu que a condução dos trabalhos do legislativo estará acima dos interesses partidários. Candidato a vereador mais votado do município com 560 votos, é um dos nomes novos na casa. Ele é servidor público como pedreiro e acredita que sua expressiva votação foi resultado de seu jeito simples e das suas diversas ações colaborativas na comunidade.

Piên

A aprovação unânime por parte dos vereadores de Piên a favor do projeto do executivo que prevê contratação de empréstimo no valor de 7 milhões de reais demonstra que o prefeito Maicon Grosskopf (Rep) vai navegar tranquilamente pelos mares do legislativo. Para quem vive sua primeira experiência na vida pública, pode-se dizer que o prefeito pienense começou com pé direito na relação com os vereadores.

Lapa I

O prefeito da Lapa, Diego Ribas (PSD), passou pelo seu primeiro teste com o legislativo municipal. No entanto, já ficou demonstrado que dois vereadores da mesma coligação que o elegeu e também da mesma geração de políticos da cidade podem ser seus dois principais críticos dentro da câmara municipal. Trata-se de Arthur Vidal (MDB) e Fenelon Bueno Moreira (PSB), que curiosamente estão entre os mais votados do município.

Lapa II

Concretizada as nomeações para o secretariado municipal da Lapa, um fator tido como positivo foi a representatividade da classe feminina nos cargos de primeiro escalão. Diego Ribas escolheu mulheres para comandar as mais importantes pastas da prefeitura: Administração, Finanças, Obras, Saúde e Educação.

 

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
LinkedIn
Share on telegram
Telegram
Share on whatsapp
WhatsApp
Share on email
Email