domingo, 21
 de 
julho
 de 
2024

Politicando 19/10/2018

Prefeitos

Faltam ainda dois meses para o encerramento da gestão da atual governadora Cida Borghetti (PP), mas muitos prefeitos da região certamente não terão mais nenhum contato com a governadora neste fim de ano, bem ao contrário do que aconteceu antes da eleição, quando semanalmente estavam em agendas pelo Palácio Iguaçu. Durante a campanha, quando a assessoria da governadora ligou simplesmente os prefeitos não estavam ou dariam retorno na seqüência.

Municípios

Dos votos válidos nos dez municípios da região, o governador eleito Ratinho Junior (PSD) fez 60,12%, ou seja, 80.881 votos, e venceu em todos. Fazenda Rio Grande foi a cidade da Amsulep que deu a votação mais expressiva para Ratinho, com 72,34% dos votos. Já em Quitandinha e Piên a votação do futuro governador foi a menor entre as dez cidades locais. Inclusive, nessas duas cidades, João Arruda (MDB) ficou na frente de Cida Borghetti.

Delações

Beto Richa. Foto: Ricardo Almeida/AENAlém de perder, de forma trágica, a eleição para o senado, o ex-governador do Paraná, Beto Richa (PSDB), tem muitas outras preocupações pela frente. Ele está denunciado por corrupção passiva e fraude em licitação em processo decorrente da Operação Rádio Patrulha, e também sofre acusações no âmbito da Operação Quadro Negro. Junto ao ex-governador há diversos outros envolvidos, como deputados estaduais e ex-secretários de estado. O ex-chefe de gabinete de Richa, Deonilson Rodo, está preso, assim como o ex-diretor geral do DER, Nelson Leal. E a apreensão é grande por conta de eventuais novos acordos de delações premiadas.

Lapa

O atual secretário de Saúde da Lapa, Ruy Suplicy Wiedmer (PSB), o Rui da Farmácia, saiu fortalecido da eleição estadual. Apoiando os candidatos Luciano Ducci (PSD) e Michele Caputo (PSDB) conseguiu fazer duas votações expressivas na cidade. Nada sabe das suas pretensões políticas para 2020, mas passa a ser um nome para a disputa majoritária ou o principal cabo eleitoral da eleição municipal.

Contenda

Já em Contenda, a votação de deputados mostrou que os políticos locais estão todos em igualdade. O vereador Gilmar Carpejani (PSC) vem procurando unificar forças para uma eventual candidatura a prefeito. Segundo ele, a intenção futura é essa, já que importante a renovação na câmara municipal e entende ter cumprido seu papel no legislativo. Na eleição de 2016, Carpejani voltou atrás da decisão de disputar a prefeitura, depois se arrependeu.

Agudos do Sul

Na última sessão legislativa de Agudos do Sul, foi aprovado o projeto de lei que concede transporte gratuito para tratamento de pessoas portadoras de câncer. A proposta, de autoria do vereador Jessé Zollner (PP) tem como objetivo assegurar segurança e melhor comodidade aos pacientes, muitas vezes debilitados, que necessitam se deslocar até outro município para tratamento. O objetivo ainda de evitar que fiquem o dia todo em deslocamento.

Campo do Tenente

O prefeito de Campo do Tenente, Jorge Quege (MDB), comemorou a aprovação das contas do exercício de 2014 que aconteceu nesta semana na câmara de vereadores. Ao todo foram cinco ressalvas apontadas pelo Tribunal de Contas do Estado do Paraná. No entanto, o próprio TCE sugeria a aprovação das contas já que a prefeitura havia prestado esclarecimento e corrigido as falhas identificadas.

Segurança

A pergunta que muita gente faz na região é sobre qual providência que prefeitos locais e deputados que representam as cidades estão tomando em relação a segurança pública e principalmente aos ataques as agências bancárias. Importante destacar que o último caso neste sentido se deu em Piên num cenário de guerra e resultou na morte de uma pessoa inocente na cidade de Agudos do Sul.

Facebook
Twitter
LinkedIn
Telegram
WhatsApp
Email