segunda-feira, 26
 de 
fevereiro
 de 
2024

Politicando 07/10/2022

Politicando
Politicando

Presidente

Reeleito com uma das maiores votações da história do Paraná, o governador Ratinho Junior (PSD) saiu fortalecido do processo eleitoral e agora já mirou a eleição presidencial. Nesta semana Ratinho esteve em Brasília para reafirmar seu apoio e empenho na campanha do segundo turno. O objetivo é ampliar a diferença de votos do presidente Jair Bolsonaro (PL) em relação ao ex-presidente Lula (PT).

Votos

Ratinho Junior já anunciou publicamente que vai coordenar um trabalho envolvendo deputados, prefeitos e lideranças para que a votação em Bolsonaro seja ainda maior do que foi no primeiro turno. O Paraná foi um dos estados que deu vitória ao atual presidente. Jair Bolsonaro fez 55,26% dos votos, enquanto Lula obteve 35,99% da votação. Uma diferença razoável de 20 pontos percentuais.

Eleição I

Algumas surpresas na eleição desse ano para a câmara dos deputados têm relação direta com a região da Amsulep. O deputado federal Gustavo Fruet (PDT) que tem longa história com os municípios locais não conseguiu se reeleger, e após quatro mandatos no parlamento ficará de fora a partir do próximo ano. Outro que também não renovou mandato foi Luizão Goulart (Solidariedade) e que também têm forte atuação na região.

Eleição II

Em relação a eleição para o governo do estado, todos os dez municípios da região deram vitória para Ratinho Junior. E a maior votação foi no município de Piên, onde o governador obteve 81,92% dos votos, depois Rio Negro com 79,99% dos votos, Quitandinha 76,35% e Campo do Tenente 75,17%. No geral, Ratinho Junior foi muito bem votado na Amsulep.

Eleição III

Dois jovens nomes com atuação política na região ganharam mandato na Assembléia Legislativa a partir de 2023. Trata-se de Thiago Buhrer (UB) e Alisson Wandscheer (Pros) que vão assumir como deputados estaduais. Ambos contaram com o apoio dos seus respectivos pais para conquistar o eleitorado paranaense.

Secretariado

O meio político se movimenta agora para saber como será a nova estrutura do governo do Estado a partir do próximo ano, principalmente no que se trata de eventuais mudanças e novas nomeações no secretariado de Ratinho Junior. Secretarias como Sedu, SEIL, Saúde, Agricultura e SEDEST são as mais cobiçadas. Justamente nestas pastas que os prefeitos apresentaram suas grandes demandas.

Assembleia

Dos deputados estaduais eleitos nesta eleição ficou claro o fortalecimento de alguns nomes com base nas suas votações. Alexandre Curi (PSD), por exemplo, foi campeão de votos e superou até mesmo o que vinha sendo especulado. Outros dois nomes também saem com destaque do pleito, os deputados Ademar Traiano (PSD) e Hussen Bakri (PSD). Agora espera-se qual será o arranjo para a composição da nova mesa diretora da Assembleia Legislativa.

Saúde

É possível a realização de pagamento de gratificação por desempenho a servidores aplicados na Atenção Básica de Saúde decorrente do Programa Previne Brasil do Ministério da Saúde (MS). Inclusive, pode ser realizado o pagamento retroativo, pois o benefício não consta entre as vedações. Para tanto, é necessário que o município já tenha instituído benefício equivalente com fundamento no Programa Nacional de Melhoria do Acesso e da Qualidade (PMAQ), antes de 20 de março de 2020, data de início da decretação do estado de calamidade pública; e que esse benefício não tenha sido descaracterizado, mas apenas adequado por normas municipais ao novo programa do MS, o Previne Brasil.

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
LinkedIn
Share on telegram
Telegram
Share on whatsapp
WhatsApp
Share on email
Email