segunda-feira, 4
 de 
julho
 de 
2022

Politicando 04/09/2015

Mandirituba
Os fatos que marcaram a semana do meio político em Mandirituba acentuaram ainda mais as diferenças entre dois grupos no município: Cartário e Palu. O que já é notório na cidade por longa data deverá ficar ainda mais explícito e efervescente na campanha eleitoral do próximo ano. Os agentes principais não se envolvem publicamente, mas os cabos eleitorais fazem suas vezes.
Quitandinha I
A câmara de vereadores de Quitandinha está aprovando medida que aumenta o número de vereadores no município, passando de 9 para 11 integrantes no poder legislativo. Emenda Constitucional de 2009 prevê que municípios com mais de 15 mil habitantes podem ter 9 ou 11 vereadores. Na região, o legislativo de Quitandinha é o único que vai ampliar a quantidade de vereadores.
Quitandinha II
Curiosamente, o aumento do número de vereadores em Quitandinha acontece num período onde muitos protestos estão acontecendo para que as câmaras municipais reduzam salários e gastos. O presidente do legislativo em Quitandinha, vereador Gilson Ribas (PP), declarou que não haverá aumento de salários e o custo com os novos legisladores ficará dentro do orçamento que a casa já utiliza atualmente. “Mensalmente recebemos da prefeitura valor inferior ao que deveria ser repassado para a câmara. Estamos ajudando nas finanças do município”, afirma o presidente.
Antonio da Luz (PP)/Foto: Arquivo / O RegionalAgudos do Sul
O prefeito de Agudos do Sul, Antonio da Luz (PP), pretende realizar em breve a aquisição de novos veículos para a frota da Secretaria de Saúde. Segundo ele, houve a liberação de recursos do governo estadual. Outro objetivo é sensibilizar o governo na liberação de recursos para continuidade das obras do complexo próximo ao estádio municipal que será uma nova creche na cidade.
Tijucas do Sul
Em Tijucas do Sul, a prefeitura vem apresentando deficiência de pessoal em alguns setores de atendimento ao público. Na câmara de vereadores, frequentemente o assunto é debatido. O problema é que a atual administração esbarra no limite de gastos com pessoal e antes de promover qualquer concurso público precisa identificar fontes de recursos.
Lapa
Com uma administração preocupada com o reconhecimento do quadro de servidores e uma maior aproximação com a população, a prefeita da Lapa, Leila Klenk (PT), já imprime uma marca positiva do seu governo. Outro destaque é o conhecimento e expressiva experiência junto às comunidades rurais do município, resultado de longos anos dedicado a apoio e incentivo a atividade agrícola através da atividade na Emater-PR.
Contenda
Ao assinar convênio com o governo do estado para sinalização de ruas no perímetro urbano do município, a atual administração da prefeitura de Contenda foi duramente cobrada por obras de melhorias na pavimentação das principais ruas da cidade, além de cuidados com as calçadas. Vias como a Avenida das Américas sofrem com buracos e em muitos casos o pó prejudica moradores e comerciantes.
Filiações
O mês será intenso para os grupos políticos que pretendem formar chapas de candidatos para a eleição do próximo ano. São os últimos dias para filiação e registro na Justiça Eleitoral. Há ainda a expectativa da janela de transferência, opção para quem pretende mudar de partido sem correr o risco de perder o mandato.

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
LinkedIn
Share on telegram
Telegram
Share on whatsapp
WhatsApp
Share on email
Email