segunda-feira, 4
 de 
julho
 de 
2022

Papa apela para novo tipo de “revolução” em Cuba: a reconciliação

Papa Francisco/Foto: DivulgaçãoO papa Francisco pediu hoje (22), durante missa na cidade de Santiago de Cuba, berço da Revolução Comunista de 1959, um novo tipo de revolução no país, de reconciliação.
Francisco celebrou sua última missa na viagem ao país, na basílica dedicada a Nossa Senhora da Caridade de El Cobre, a padroeira da ilha – uma Virgem Maria miscigenada que simboliza as raízes espanholas e africanas da região.
O papa louvou Maria como a personificação de “uma revolução de ternura” e apelou aos cubanos a seguirem o exemplo dela “para construir pontes, derrubar muros, plantar sementes de reconciliação”.
O argentino de 78 anos, o primeiro papa latino-americano, encontrou-se com famílias e abençoou a cidade do sudeste, a segunda maior do país, antes de partir para Washington.

Fonte: Agência Lusa

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
LinkedIn
Share on telegram
Telegram
Share on whatsapp
WhatsApp
Share on email
Email