sexta-feira, 3
 de 
dezembro
 de 
2021

Município de Piên terá sinal digital de TV aberta

Piên receberá todos os equipamentos instalados com investimentos de R$ 500 mil. Foto - Prefeitura de Piên
Através deste convênio o município de Piên receberá todos os equipamentos instalados, e com um ano de garantia, o que representam investimentos de cerca de R$ 500 mil

O município de Piên foi selecionado pelo programa Digitaliza Brasil, do Ministério das Comunicações e Anatel, que visa levar sinal digital aos municípios brasileiros. No Paraná 97 municípios foram selecionados, e na região Metropolitana de Curitiba, a qual Piên está inserida, somente 4 cidades participarão do programa. 

Após esta seleção, o município irá se inscrever e indicar qual o local que os equipamentos de transmissão deverão ser instalados. Para isso a prefeitura terá que disponibilizar um terreno com cerca de 50m² de área onde serão fixados os aparelhos. Toda a instalação é feita pela Seja Digital, que é uma instituição não governamental e sem fins lucrativos, criada para cumprir a missão de implementar políticas públicas para os setores de radiodifusão e telecomunicações, entre elas acelerar a adoção do sinal digital de TV. 

Através deste convênio o município de Piên receberá todos os equipamentos instalados, e com um ano de garantia, o que representa investimentos de cerca de R$ 500 mil. Ficando à cargo do município somente a indicação do terreno, o fornecimento de energia elétrica, internet e a manutenção dos aparelhos após o término da garantia. “Será um custo muito baixo para o município tendo em vista que já possuímos o terreno e já vamos fazer as adequações para que a aparelhagem seja instalada”, disse o secretário de Governo Josnei Grosskopf. O prazo de apresentação de toda a documentação vai até dia 30 de setembro, e após tudo legalizado já devem iniciar as obras. 

Os equipamentos fornecidos pelo projeto têm capacidade de transmitir até 8 canais digitais, com uma cobertura mínima de um raio de 20 quilômetros. “Claro que isso depende do terreno, quanto mais alto for o local maior será o raio de abrangência do sinal”, disse o chefe do Departamento de informática Rubens Teixeira. Além de fornecer toda a aparelhagem e a instalação dos equipamentos, o projeto ainda prevê a doação de kits de conversores de TV Digital para famílias de baixa renda, desde que integrem o Cadastro Único da Assistência Social. 

Dentre as vantagens do fornecimento de sinal digital para TV aberta está a qualidade de som e imagem e o acesso a conteúdos regionais. “É um projeto bastante interessante a qual o município irá aderir, pois assim conseguimos disponibilizar um serviço de alta qualidade para a população, especialmente a de menor renda que não tem acesso a TV por assinatura ou parabólica”, finalizou Josnei.

 



Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
LinkedIn
Share on telegram
Telegram
Share on whatsapp
WhatsApp
Share on email
Email