sexta-feira, 25
 de 
junho
 de 
2021

Mulheres reforçam a luta para ampliar participação no funcionalismo público

Fran Claudino é a responsável pelos direcionamentos na área da segurança em Mandirituba. Foto: Arquivo/O RegionalAmpliação da participação na política, equidade salarial, fim da violência de gênero e valorização da classe. Estas são algumas das bandeiras defendidas diariamente pelo público feminino, que neste domingo irá lembrar o Dia Internacional da Mulher, data que marca a luta por reconhecimento e igualdade perante à sociedade.

Um dos avanços que vêm sendo constantemente pleiteados está relacionado ao avanço da atuação das mulheres no setor público. Dados recentes obtidos pela reportagem junto às prefeituras da região apontam que atualmente são mais de 5 mil mulheres exercendo alguma função no serviço público, sendo 33 no alto escalão, ocupando cargos em secretarias.

Um dos exemplos de mulheres que desempenham atividades no setor público é a secretária de Defesa Social de Mandirituba, Fran Claudino. “Atuo no serviço público há 8 anos. Decidi seguir carreira pública por vocação. Isso porque a escolha da profissão em que estamos e amamos representa aquilo que somos. A vocação pesa muito mais do que estabilidade e salário. A escolha de abraçar o serviço público é um sonho que exige dedicação e renúncias”, detalha Fran, lembrando que os desafios frente à esfera pública são grandes. “Os desafios são diários especialmente na área de Segurança Pública. Podemos evitar mil situações, mas se deixarmos acontecer uma, somos cobrados por isso. A principal conquista é a confiança e a gratidão que recebemos das pessoas quando conseguimos ajudar alguém. O bem que fazemos ao outro é um caminho de bem estar em duas vias”, avalia.

Ainda conforme a secretária, o preconceito motivado pelo gênero ainda é notável e um mal a ser combatido. “O preconceito existe sim, principalmente em áreas classificadas como masculinas. É mais provável que os homens sejam creditados pelos sucessos conjuntos e as mulheres sejam prováveis culpadas por fracassos conjuntos. Essas expectativas negativas de desempenho podem ser anuladas quando a contribuição individual da mulher é inquestionável ou sua competência é alta”, pondera Fran, reforçando a força que a mulher deve demonstrar perante a sociedade. “Tão importante quanto a luta de cada mulher, é o movimento de resistência do público feminino na sociedade machista, pois só assim conseguiremos ser protagonistas de uma luta por equidade de gênero, em que, cada qual com suas vivências e diferenças, passarão a ocupar, cada vez mais, do meio privado aos espaços públicos”, afirma.

Há mais de 30 anos, Vitória Bineck se dedica ao setor de Educação como professora da prefeitura de Piên. Foto: Arquivo/O Regional

A professora Vitória Bineck, carinhosamente chamada de Tóia, que está no serviço público há 30 anos, também é uma das referências de dedicação ao serviço público. “Em casa, sempre recebíamos visitas de muitas crianças e fazíamos brincadeiras. E o convívio com eles foi despertando o desejo de ensinar. Com o tempo, incentivada pelas amigas, fui me identificando com o magistério e resolvi seguir esta profissão”, conta a docente, apontando que o desempenho da função pública também contribui com a formação pessoal. “O aprendizado que você leva para a vida. A cada momento está aprendendo com as crianças, com o mundo que elas te apresentam, além do material que utiliza, o crescimento profissional e o contato com as pessoas”, relata.

Vitória compartilha ainda que, mesmo diante de uma sociedade que ainda convive com o preconceito diário contra a classe feminina, nunca sofreu com episódios desta proporção. “Na área da Educação sempre fui bem aceita e tive o reconhecimento digno. Vejo ainda que, progressivamente, as mulheres estão conquistando o espaço merecido, têm alcançado cargos importantes e bem sucedidos. E elas podem conquistar tudo o que quiserem em todas as esferas, com muita determinação e coragem”, finaliza.

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
LinkedIn
Share on telegram
Telegram
Share on whatsapp
WhatsApp
Share on email
Email