terça-feira, 15
 de 
junho
 de 
2021

Maio Amarelo reforça a importância da segurança e da prudência no trânsito

Os acidentes de trânsito são responsáveis pelas diversas vidas perdidas todos os anos nas cidades do suleste paranaense. De acordo com dados da Arteris, empresa responsável pela concessão da BR-116, só no trecho que liga Fazenda Rio Grande a Rio Negro foram registrados nos últimos 12 meses, 464 acidentes. Uma alta de 8,4% em comparação com os 12 meses anteriores, que registraram 428 acidentes.

Já na rodovia estadual que liga Agudos do Sul e Piên, 5 acidentes foram registrados no ano passado, com 1 morte. No trecho de Agudos a Tijucas do Sul, houve registro de 18 acidentes com 19 feridos e 2 mortes.

De Campo do Tenente a Lapa, houve 22 acidentes, com 13 feridos e nenhuma morte.

O mês de maio é marcado por ações que lembram o cuidado com a vida e o trânsito. Neste ano, o Governo do Paraná lançou uma campanha com a temática “Maio Amarelo: Sua história merece continuar”. O objetivo do Departamento de Trânsito do Paraná (Detran-PR) é reforçar a importância da valorização da vida e a trajetória das pessoas.

De acordo com o diretor-geral do Detran-PR, Wagner Mesquita, no mês de maio as campanhas de cuidado com o trânsito são intensificadas. O diretor afirma que a ideia é propagar a educação no trânsito. “O trânsito imprudente é uma ameaça à vida e devemos nos atentar a isso aumentando os cuidados. Nossa campanha fala sobre isso, a importância dos cuidados com a vida diante do trânsito”, explica Mesquita.

Por conta da pandemia do coronavírus, a campanha está sendo no ambiente digital e aborda o valor e a importância da história das pessoas. Entre os diferenciais desse ano, está a produção de podcasts que tratam de respeito, responsabilidade e inteligência no trânsito. O Detran também produz pequenos materiais que são disponibilizados nas redes sociais da Escola Pública de Trânsito do Detran.

Em parceria com a Polícia Rodoviária Federal, o órgão está fazendo algumas ações presenciais, com blitz educativas, que abordam ciclistas e motoristas. A campanha deve se estender até o final do ano. Outra iniciativa é o programa Bom Condutor, que deverá emitir ao motorista que não tiver nenhuma pontuação na carteira, nos últimos dois anos, um certificado de menção honrosa.

O Maio Amarelo é um movimento internacional que visa sensibilizar as pessoas para a redução dos acidentes de trânsito e apresenta uma proposta – chamar a atenção da sociedade para o elevado número de mortos e feridos em acidentes de trânsito em todo o mundo.

Em cooperação com órgãos governamentais, empresas, entidades de classe, associações, federações e sociedade civil, a Campanha Mundial Maio Amarelo é realizada todos os anos para promover a conscientização, responsabilidade e risco para o comportamento de cada cidadão.

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
LinkedIn
Share on telegram
Telegram
Share on whatsapp
WhatsApp
Share on email
Email