sexta-feira, 22
 de 
outubro
 de 
2021

Jairo do Nascimento: uma vida de dedicação ao esporte e às crianças

Jairo recebeu homenagens do Coritiba, clube onde se destacou como atleta com maior número de jogos da história. Foto: Divulgação/Coritiba Foot Ball ClubJogador que mais vestiu a camisa do Coritiba Foot Ball Club, com passagens pela seleção brasileira e um dos melhores goleiros que o país já teve. Estas são algumas das credenciais que resumem a história de Jairo do Nascimento, o Pantera Negra, que faleceu na última semana, aos 72 anos de idade, vítima de um câncer que afetou os rins.

Além de um marcante personagem do futebol brasileiro, Jairo tinha uma grande identificação com os municípios de Agudos do Sul e Tijucas do Sul, onde trabalhou como professor de escolinha de futebol, inclusive possibilitando a participação de equipes da região em competições na grande Curitiba e região. “Era um profissional exemplar, que treinava as crianças por amor, porque gostava do que fazia. Se preocupava em formar seres humanos responsáveis e de boa índole. Sem dúvida é uma perda irreparável”, lamenta o diretor de Esportes de Agudos do Sul, Evandro Zollner.

O trabalho com as escolinhas na região iniciou em 2001, quando Jairo aceitou o convite para treinar os atletas em Agudos do Sul. “Lembro que foi algo marcante, ter um ex-profissional repassando todo o conhecimento aos alunos. Havia um comprometimento muito grande de todos e, acima de tudo, um respeito enorme ao professor”, recorda Evandro. A primeira passagem de Jairo por Agudos foi encerrada em 2004, seguindo as atividades em Tijucas na sequência. “Em 2017, quando voltei à coordenação do esporte, de pronto o convidei para retomar os trabalhos em Agudos. Fomos campeões da Copa Italicus no ano passado, feito este que lhe deixou muito feliz”, ressalta Evandro. Em novembro último, com a manifestação do câncer, Jairo precisou se afastar das atividades. “Ele havia comentado que este seria seu último trabalho, que na sequência iria descansar e aproveitar ao máximo a família”, conta. O ex-goleiro faleceu no último dia 6, no hospital Erasto Gaertner.

A prefeitura de Agudos do Sul emitiu nota de pesar, se solidarizando com a família do ex-jogador. “Gostaria de expressar o quanto o Jairo era querido por todos nós, fãs de sua trajetória profissional e mais ainda de sua personalidade, da forma respeitosa e atenciosa como tratava as crianças. Fica o reconhecimento a todo legado deixado por ele”, concluiu Evandro.

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
LinkedIn
Share on telegram
Telegram
Share on whatsapp
WhatsApp
Share on email
Email