sexta-feira, 24
 de 
setembro
 de 
2021

Em Piên, servidores que atuam na linha de frente contra a Covid terão abono

Servidores que atuam na linha de frente contra a Covid terão abono. Foto: divulgação

A câmara de Piên aprovou projeto de lei que autoriza o município a pagar um abono no final do mês aos servidores que atuam no enfrentamento à pandemia de Covid-19. Terão direito ao benefício os servidores da Secretaria Municipal de Saúde e da Secretaria Municipal de Assistência Social e Defesa Civil.

No total serão 120 servidores contemplados. Eles irão receber durante os meses de junho, julho e agosto o valor de R$ 150,00 acrescidos na folha de pagamento. O benefício vale somente para os servidores ocupantes de cargo de provimento efetivo, ACT’s, agentes comunitários de saúde e os agentes de combate a endemias. Segundo a prefeitura, tal gratificação não será concedida aos ocupantes de cargos em comissão.

O poder executivo cita que o objetivo do projeto é minimizar os efeitos negativos da pandemia que são suportados pelos servidores que estão na linha de frente do enfrentamento à pandemia. Este valor, em forma de gratificação temporária, deverá compensar despesas extras que estes servidores possuem em decorrência da execução do seu trabalho. Estas despesas são quanto a higiene, vestuário, entre outros cuidados necessários para que estes profissionais possam trabalhar no combate à doença.

Para o prefeito Maicon Grosskopf é uma maneira de compensar o trabalho incansável que estes profissionais estão tendo neste momento difícil. Com mais de um ano de duração é visível a sobrecarga de trabalho que eles estão tendo. “Nossa intenção era conceder o benefício de forma igualitária, a todos os servidores da prefeitura, porém, estamos presos a Lei Complementar 173/20 que nos permite repassar um valor apenas para os servidores da Saúde e Social”, falou Maicon.

Neste primeiro momento estão sendo estabelecidos três meses de pagamento do benefício, podendo ainda haver prorrogação, se o município apresentar condições financeiras, ou até que o município atinja 80% de sua população vacinada. Para pagamento deste abono, deverão ser utilizados recursos oriundos do governo federal, destinados exclusivamente para ações no enfrentamento à pandemia.

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
LinkedIn
Share on telegram
Telegram
Share on whatsapp
WhatsApp
Share on email
Email