domingo, 22
 de 
maio
 de 
2022

Em eleição suplementar, Agudos do Sul escolhe o prefeito neste domingo

Jessé Zoellner e Diego Teixeira. Fotos: Divulgação

Pleito tem como candidatos à prefeitura local Diego Teixeira e Jessé Zoellner. Eleição no município terá auditoria do Tribunal de Contas da União (TCU)

O domingo deve ser de grande movimentação no cenário político de Agudos do Sul devido à realização da eleição suplementar para escolha de prefeito e vice na cidade. O pleito acontecerá porque a candidata eleita ao cargo nas últimas eleições, Luciane Maira Teixeira, teve o registro negado em 1º grau, cuja decisão foi mantida pela corte do Tribunal Regional Eleitoral (TRE-PR) e pelo Tribunal Superior Eleitoral (TSE), e a mesma não foi diplomada, assumindo o comando do executivo em janeiro do ano passado o então presidente da câmara de vereadores, Jessé Zoellner.

Foi então que em fevereiro deste ano, foi determinada a nova data para realização da eleição suplementar, marcada para 3 de abril. A disputa pela prefeitura contará com duas chapas, uma delas formada pelo ex-secretário municipal de Obras, Diego Teixeira, com a ex-secretária de Saúde, Katya da Saúde, como vice, e a outra encabeçada pelo prefeito interino Jessé Zoellner, que tem como vice o ex-prefeito Antonio Ferreira. As convenções que definiram os candidatos ocorreram nos dias 17 e 18 de fevereiro e a campanha começou no dia 22 daquele mês.

Urnas foram preparadas pelo Cartório Eleitoral e serão levadas para os locais de votação amanhã. Foto: Divulgação/Cartório Eleitoral de Fazenda Rio Grande

Uma das novidades neste pleito é a auditoria do Tribunal de Contas da União (TCU). Uma equipe do órgão está acompanhando os procedimentos. Segundo Roberta Jurask Bueno de Paula, chefe de cartório da 144ª Zona Eleitoral de Fazenda Rio Grande, que abrange Agudos, isto é algo inédito no Paraná.

Na última quarta-feira, o referido cartório eleitoral realizou a geração de mídias. Na quinta-feira, ocorreram os procedimentos de carga e lacração. “No sábado é que ocorrerão as vistorias nos locais de votação e entrega de urnas”, explica a chefe de cartório.

O horário de votação será das 7 às 17 horas deste domingo. Conforme a portaria do TRE que determinou o pleito, ficam dispensados os procedimentos relacionados à biometria do eleitor. Segundo Roberta, os eleitores deverão apresentar documento oficial com foto, sendo facultativo levar o título de eleitor, apesar de ser recomendado por facilitar a localização da seção. Outra forma de identificação válida é o e-título com foto.

Depois das 17 horas ocorre a apuração. A diplomação do prefeito e do vice eleitos está prevista para o dia 13 de abril. Quanto à posse, a câmara de Agudos informou irá marcar nos próximos dias após a diplomação.

Estatísticas – O pleito eleitoral em Agudos do Sul contará com 24 seções, distribuídas em nove locais de votação. Ao todo, 7.638 eleitores estão aptos a votar e poderão comparecer às urnas no domingo. São os votantes do município em situação regular no cadastro eleitoral até a data de 3 de novembro de 2021. O Colégio Estadual Rui Barbosa é o local com maior número de seções, com 10, somando 3.858 eleitores.



Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
LinkedIn
Share on telegram
Telegram
Share on whatsapp
WhatsApp
Share on email
Email