sábado, 2
 de 
março
 de 
2024

Educação de Piên enaltece resultados alcançados com o Método das Boquinhas

Método das Boquinhas é uma das ferramentas utilizadas na alfabetização das crianças em Piên. Foto: Assessoria de Imprensa/Prefeitura de Piên
Ferramenta é utilizada como meio para favorecer a alfabetização a partir da conscientização fonoarticulatória da criança

Um dos trabalhos prioritários apontados pela Secretaria de Educação de Piên está no aperfeiçoamento do ensino no município, buscando novas práticas para melhorar o aprendizado das crianças. Uma das ações é trabalhada junto com as crianças do 1º ano da rede municipal por meio do ‘Método das Boquinhas’.

A aplicação desta metodologia acontece em parceria entre a prefeitura e a Arauco, que vem patrocinando o projeto. O Método das Boquinhas é uma ferramenta que viabiliza a alfabetização a partir da conscientização fonoarticulatória da criança, conhecimento que permite atingir de maneira rápida e eficaz a conversão fonema/grafema, viabilizando a compreensão e utilização do sistema de escrita alfabética da língua portuguesa.

De acordo com a professora da Escola Municipal Marciano de Carvalho, Maria Agorete Mendes, a metodologia é utilizada há anos no município. “Esse método faz a diferença na alfabetização”, afirma a educadora, enaltecendo que as crianças aprendem o som e conhecem as letras. “A gente começa com as vogais e depois partimos para as consoantes. Depois de tudo isso, antes de chegar no fim do alfabeto, a maioria dos estudantes já estão alfabetizados. Mostramos para eles a letra, o som, e com isso elas vão aprendendo”, explica.

A professora detalha ainda que o ensino não ocorre na ordem exata do alfabeto, e que primeiro são trabalhadas as vogais, depois com a letra L, por aproximadamente 15 dias. “Quando trabalhamos com uma letra, por exemplo o L, mostramos o vídeo das boquinhas. Depois disso, passamos o som da letra P, letras que tenham confronto, por exemplo P e D. Neste processo, temos crianças que em vez de escreverem bota escrevem ‘pota’”, complementa.

No trabalho do método fônico, um espelho é utilizado, onde a criança pode observar, falar, pronunciar a letra para que veja como fica a boca na hora que ela fala o som da letra.

A secretária de Educação, Clarice Fragoso, conta que o método adotado de Renata Jardini vem trazendo um ótimo resultado na alfabetização. “Nesse ano de 2022, em parceria com a Arauco, os professores municipais passaram por uma reciclagem do método em quatro etapas, sendo Alfabetização, Educação Infantil, Mapa de Ideias e Estratégias de Boquinhas para o avanço nas fases da escrita”, acrescenta Clarice, enaltecendo que a Educação de Piên conta com excelentes alfabetizadoras e que o trabalho é acompanhado de perto pela pasta, que promove atividades diagnósticas, periódicas, que embasam o plano de trabalho de cada escola.



Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
LinkedIn
Share on telegram
Telegram
Share on whatsapp
WhatsApp
Share on email
Email