sexta-feira, 25
 de 
junho
 de 
2021

Divulgação de Fake News reforça a importância da checagem de fatos

Informações precisam ser averiguadas antes de serem repassadas, evitando disseminação de notícias falsas que causam grande pânico à população. Foto: Arquivo/O RegionalO período da pandemia do coronavírus também vem sendo marcado pela propagação de inúmeras informações falsas ou distorcidas, as chamadas Fake News. A disseminação deste tipo de conteúdo, seja em texto, áudio ou vídeo, vem sendo constatada principalmente em redes sociais digitais e aplicativos.

Para evitar este tipo de situação, os órgãos públicos têm utilizado estratégias para dar mais transparência quanto aos dados e informações relacionadas ao contágio do Covid-19 e conscientizar a população sobre os prejuízos causados pelas notícias falsas. Entre os casos recentes está a divulgação que os cachorros poderiam transmitir o vírus para humanos, fato que gerou até um aumento no índice de abandono de animais na cidade da Lapa, por exemplo.

O coordenador geral de jornalismo da prefeitura da Lapa, Tony Antunes, detalha as ações executadas pela municipalidade visando o combate às Fake News. “Adotamos como plano a divulgação diária de boletins contendo as informações sobre o município. O conteúdo é divulgado sempre ao meio-dia e às 18 horas nas páginas da prefeitura na internet e na imprensa”, detalha Antunes, reforçando o trabalho de averiguação de informações falsas. “Áudios que têm circulado com mensagens falsas já estão sendo analisados para serem tomadas as medidas cabíveis”, explica.

Em Mandirituba, segundo a diretora de Comunicação da prefeitura, Stephany Bravos, a equipe do setor e da área administrativa já esperava que toda a situação resultasse na distribuição de Fake News. “Na primeira semana houve circulação de um áudio em que dizia que havia duas pessoas internadas no hospital com o coronavírus. Prezando sempre pela veracidade das informações e pela transparência, buscamos, juntamente com toda a equipe técnica de enfrentamento ao Covid-19, produzir um boletim diário informando à população sobre a situação no município. Além de uma arte, contamos com a divulgação de um vídeo gravado pela médica Marina de Almeida falando sobre os dados atualizados no dia e orientando os moradores quanto às medidas de prevenção”, detalha.

Ainda conforme Stephany, o trabalho no município também é voltado ao monitoramento dos conteúdos. “O Departamento de Comunicação monitora frequentemente as mensagens que chegam através dos canais de comunicação da prefeitura e encaminham as dúvidas à Secretaria de Saúde, no intuito de dar um retorno adequado evitando deste modo, informações distorcidas ou erradas”, conclui.

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
LinkedIn
Share on telegram
Telegram
Share on whatsapp
WhatsApp
Share on email
Email