quarta-feira, 17
 de 
agosto
 de 
2022

Secretaria de Saúde reestrutura processos de atendimento em Piên

Secretaria de Saúde detalhou a reestruturação dos processos de atendimento à população. Foto: Assessoria de Imprensa/Prefeitura de Piên
Pasta anunciou a abertura de mais uma unidade ESF para atender a localidade de Campina dos Maia

Em encontro realizado na última sexta-feira, a Secretaria de Saúde de Piên detalhou um balanço das ações realizadas e apresentou uma nova forma de trabalho. Objetivando o melhor atendimento para a população uma reestruturação da estrutura da saúde foi apresentada, por meio de um remanejamento que possibilitou a abertura de mais uma equipe de Estratégia de Saúde da Família (ESF).

Atualmente, o município está habilitado junto ao Ministério da Saúde para atender com quatro equipes de ESF, sendo nas unidades do Centro, Trigolândia, Campo Novo e Quicé, e uma Unidade Básica de Saúde. Com a nova proposta está sendo criada mais uma unidade ESF para atender a comunidade de Campina dos Maia.

A coordenadora de saúde Mayara Grosskopf, detalhou que outra mudança positiva para a população é a readequação das unidades referência de cada localidade. “Buscamos reunir as comunidades próximas para melhorar o atendimento evitando que as pessoas tenham que se deslocar para muito longe de suas casas”, disse.

Agora, com a alteração nas unidades de referência, a população deve ter atenção em qual unidade procurar no caso do seu bairro não possuir atendimento. Os moradores do Centro, Avencal, Letreiro, Gramados e Boa Vista possuem como referência a ESF Centro, enquanto os residentes em Trigolândia, Fragosos, Ponte Alta, Monjolinho e Palmitos tem como referência a ESF Trigolândia e quem mora no Poço Frio, Campo Novo, Lageado do Caçador, Lageado dos Martins, Poço Frio dos Moreiras, dos Souza e Vermelinho deve procurar a ESF Poço Frio. Moradores da Campina dos Crespins, Quicé, Aterrado Alto, Cachoeirinha e Mosquito buscam a ESF Campina dos Crespins e a recém-criada ESF Campina dos Maia irá atender a Campina dos Maia e o Picacinho.

O vice-prefeito e o secretário de Saúde, Pedro Geraldo Cavalheiro da Silva, reforçou que objetivo da pasta em realizar este remanejamento foi ampliar o atendimento e trazer para a saúde para mais perto do cidadão. “Antes um morador de Palmitos, por exemplo, em algumas ocasiões precisava se dirigir até o Aterrado Alto em busca de atendimento, isso não será mais necessário pois agora a unidade de referência passa a ser a ESF Trigolândia”, exemplificou.

Atendimentos – Somente no primeiro quadrimestre deste ano, foram realizados 12.810 atendimentos médicos nas unidades de saúde, sendo 3.456 em janeiro no período pós pandemia, 3.449 em fevereiro, 3.300 em março e 2.605 em abril.



Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
LinkedIn
Share on telegram
Telegram
Share on whatsapp
WhatsApp
Share on email
Email