sexta-feira, 23
 de 
fevereiro
 de 
2024

Saúde de Piên avança no ranking de desempenho do Previne Brasil

Saúde de Piên apresentou avanços no ranking de desempenho do programa federal. Foto: Assessoria de Imprensa/Prefeitura de Piên
Saúde de Piên apresentou avanços no ranking de desempenho do programa federal. Foto: Assessoria de Imprensa/Prefeitura de Piên
Município é o terceiro colocado no desempenho dos índices referentes ao terceiro quadrimestre de 2022 entre as 29 cidades que compõem a 2ª Regional de Saúde

O trabalho para superar as dificuldades e desafios ocasionados pela pandemia de Covid-19 e busca de um atendimento humanizado por parte da Secretaria de Saúde de Piên, refletiram em resultados no Programa Previne Brasil, do Ministério da Saúde.

A iniciativa avalia aspectos como o acompanhamento de gestantes, hipertensos e diabéticos, vacinação, entre outros indicadores.

O programa é um modelo de financiamento que destina recursos aos municípios em conformidade com os resultados obtidos nestes índices. No município de Piên, em janeiro de 2021, a nota era de 5,12, passando para 9,29 no início deste ano, ficando como terceiro colocado no desempenho entre as 29 cidades que compõem a 2ª Regional de Saúde.

Segundo a coordenadora da Atenção Básica do município, Tatiane Cubas Ribas, enaltece que para que o município continue avançando, a Secretaria de Saúde reforça a importância do cadastro dos pacientes estar atualizado. “É o resultado de um grande trabalho desenvolvido por toda a equipe. Estamos avançando em várias frentes para atingir todas as metas propostas pelo programa e reforçar a atenção primária. Estamos desenvolvendo esta atualização com as agentes comunitárias de saúde. Quando há incorreções no cadastramento, fatalmente não se contabiliza o atendimento”, diz.

A secretária municipal de Saúde, Mayara Grosskopf, enaltece que o avanço nos indicadores do Previne coloca a saúde municipal entre as 75 melhores avaliadas entre os 399 municípios do Paraná. “Tivemos muitos desafios nos últimos anos, como falta de médicos, suspensão de procedimentos em virtude da Covid, veículos sem manutenção básica e comprometidos. Reverter todo este cenário não foi fácil, mas, felizmente, com o apoio de todos os profissionais estamos conseguindo”, ressalta.

Conforme Mayara, a busca contínua para melhorar a saúde pública tem apresentado importantes investimentos. “Estamos com o programa zera fila de exames, onde esses procedimentos acontecem boa parte deles no nosso município. Temos estreitado a parceria com os consórcios de saúde e ofertado exames e consultas especializadas como nunca foi ofertado. Além disso, a nossa atenção básica conta com 10 médicos, número este que nunca na história o município teve. São informações como esta que reforçam o nosso cuidado e esforço para bem atender a todos”, finaliza.



Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
LinkedIn
Share on telegram
Telegram
Share on whatsapp
WhatsApp
Share on email
Email