terça-feira, 24
 de 
maio
 de 
2022

PIB na região soma R$ 6,6 bilhões

Agricultura tem papel fundamental no valor gerado do PIB aos municípios. Foto: Arquivo/O RegionalO Produto Interno Bruto (PIB), que é a soma de todos os bens e serviços finais produzidos, teve um crescimento de 86,8% em cinco anos nas cidades do suleste paranaense. O comparativo pode ser feito a partir da divulgação dos números de 2015, feita pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) no mês passado. Na comparação anual, o avanço foi menor: 4,4% em relação a 2014.

A recente divulgação do PIB dos municípios apontou que na região, somadas as dez cidades, ele foi de R$ 6,64 bilhões. Em 2014, um ano antes, havia sido de R$ 6,36 bilhões e, em 2010, cinco anos antes, R$ 3,5 bilhões.
O maior PIB da região a preços correntes é o de Fazenda Rio Grande, com R$ 1,76 bilhão, seguido da Lapa, com R$ 1,4 bilhão. Os menores são os de Agudos do Sul, R$ 154 milhões, e Campo do Tenente, R$ 156 milhões. Fazenda Rio Grande registrou ainda a maior variação no período de 2010 a 2015, avançando 149%.

Para o prefeito da Fazenda, Marcio Wozniack, este resultado mostra a seriedade com que a gestão pública entendeu o crescimento populacional do município e trabalhou para que a economia também crescesse. “Promovemos capacitações e incentivos fiscais para atrair empresas e, desta forma, mesmo em um cenário de crise, nosso município conseguiu produzir e gerar estes números expressivos”, enaltece. Ele também cita o plano diretor como ferramenta para evitar o crescimento desordenado.

O maior PIB per capita, que é a divisão pelo número de habitantes, é o de Piên, com R$ 56 mil, seguido pela Lapa, com R$ 29 mil. Em Piên, a atividade com maior valor adicionado à economia é a indústria de transformação, enquanto que em Agudos do Sul, Campo do Tenente e Quitandinha é a agricultura. Em Contenda, Fazenda Rio Grande, Lapa, Mandirituba, Rio Negro e Tijucas do Sul a atividade destaque é classificada como demais serviços.

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
LinkedIn
Share on telegram
Telegram
Share on whatsapp
WhatsApp
Share on email
Email