quinta-feira, 16
 de 
setembro
 de 
2021

Pessoas com câncer poderão pedir isenção de IPTU em Agudos do Sul

Medida vale para um imóvel por cidadão, podendo ser renovada a cada ano, enquanto durar o tratamento. Foto: Arquivo/O RegionalUma lei que existe em Agudos do Sul desde novembro de 2017 permite a isenção do Imposto Predial e Territorial Urbano (IPTU) para pessoas que sejam diagnosticadas com câncer do tipo Neoplasia Maligna.

A neoplasia maligna é caracterizada pela multiplicação descontrolada e anormal de células devido a alterações no DNA ou a hábitos de vida, podendo essas células se espalharem pelo corpo e comprometer o organismo de maneira geral.

O diagnóstico precoce e início rápido do tratamento pode resultar em cura. A neoplasia maligna acontece por conta do descontrole das células malignas, o que pode ocorrer devido a hábitos, como tabagismo, alimentação ruim e com consumo de bebidas alcoólicas, infecções virais e exposição a substâncias tóxicas ou radiação.

Para que a isenção aconteça é preciso informar a prefeitura sobre o diagnóstico. O prefeito em exercício, Jessé Zoellner falou sobre a medida. “Esta lei foi criada com intuito de ajudar as pessoas que estão fazendo este tratamento, que tem muito custo com despesas, viagens e medicamentos. É uma forma do poder público sensibilizar e ajudar”, argumenta. Os benefícios serão válidos por um ano. Após o prazo, deverá ser novamente solicitado, para um novo período e deixará de existir quando deixar de ser solicitado. A solicitação da isenção vai até 31 de março.

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
LinkedIn
Share on telegram
Telegram
Share on whatsapp
WhatsApp
Share on email
Email