segunda-feira, 18
 de 
outubro
 de 
2021

Municípios defendem que o pinhão também seja comercializado na Ceasa

Pinhão na Ceasa/Foto:DivulgaçãoAs prefeituras de Tijucas do Sul e São José dos Pinhais trabalham em parceria com o Ministério do Meio Ambiente na divulgação e apoio ao projeto “Cultura e Tradição: Estratégias de promoção da cadeia de valor do pinhão no Paraná”. O objetivo é fomentar a atividade e encontrar alternativas que possam expandir a produção e comercialização do pinhão.

Nesta semana, uma reunião na Central de Abastecimento do Paraná – Ceasa de Curitiba serviu para viabilizar a presença do produto na lista de compra e venda do local. O secretário de Agricultura e Meio Ambiente de Tijucas do Sul, Marcio Luiz Moraes, e os representantes da Secretaria de Agricultura e Abastecimento de São José dos Pinhais, Marcelo Lubas e Osvaldo Antonio Andrade, estiveram reunidos com Luiz Dâmaso Gusi e Eduardo Pimentel Slaviero, diretor geral e diretor agrocomercial da Ceasa. O encontro serviu justamente para acertar detalhes sobre a comercialização do pinhão na unidade.

O presidente da Associação de Comerciantes de Pinhão – Assopinho, Luiz Aleixo, participou da reunião e relatou que a Ceasa poderá ser parceira, quem sabe disponibilizando uma câmara fria para armazenamento do pinhão, possibilitando sua comercialização em todas as épocas do ano, oferecendo orientação técnica e apontando outras alternativas de comércio. “Com um pinhão de boa qualidade e o apoio de entidades como a Ceasa teremos sucesso”, comentou.

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
LinkedIn
Share on telegram
Telegram
Share on whatsapp
WhatsApp
Share on email
Email