segunda-feira, 23
 de 
maio
 de 
2022

Mandirituba escolhe entre trincheiras ou viaduto para ter acesso a BR 116

Mudanças terão grande impacto na mobilidade urbana da área central e de bairros vizinhos. Foto: Arquivo/O RegionalA tão sonhada duplicação da BR 116 já é uma realidade para os moradores de Mandirituba, que durante anos reivindicaram este investimento. No entanto, na reta final deste projeto, estão obras que garantirão acessos e a mobilidade urbana da cidade.

Ainda no ano passado, a prefeitura impediu a construção de um viaduto onde atualmente está localizado o trevo de acesso ao Centro. Na alegação, foram apontadas as dificuldades de acesso e danos no aspecto visual, fazendo com que a Concessionária Autopista Planalto Sul paralisasse esta ação.

Nos últimos meses, o debate sobre este assunto ganhou força e o prefeito Luís Antônio Biscaia convocou uma audiência pública, para definir junto a população, qual medida será adotada. A concessionária apontou duas hipóteses, uma delas é a construção de um viaduto como estava no projeto. E a outra seria a manutenção do trevo e a construção de duas trincheiras, uma localizada na altura da entrada da Vila Brasília e outra próxima a entrada que dá acesso à antiga delegacia. Nesses dois pontos, entre os quilômetros 137 e 143, seriam construídas marginais, o que garantirá o acesso mais próximo ao Centro para os moradores de outros bairros próximos.

Buscando chegar em um consenso, o prefeito está proporcionando à população uma votação para escolher quais das duas alternativas será adotada. “Como sempre tenho afirmado, a população tem voz e vez, por isso, além das sugestões recebidas na audiência pública, também estamos disponibilizando, através do site da prefeitura, a opção de escolha. A população vai definir o que for melhor” afirmou o prefeito Luís Antônio.

Outro ponto referente aos acessos da rodovia é o retorno na região da área industrial, nas proximidades da Taurus. Essa questão, segundo a prefeitura através de informações da Autopista, já está sendo resolvida. Após a solicitação da população, registrada em ata na audiência pública na localidade do Lima, o pedido foi levado até a ANTT e teve a aprovação, sendo que agora está sendo definido o local mais adequado para instalação da obra.

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
LinkedIn
Share on telegram
Telegram
Share on whatsapp
WhatsApp
Share on email
Email