terça-feira, 26
 de 
outubro
 de 
2021

João Padeiro vence, na sua terceira tentativa

João Padeiro. Foto: Arquivo/O RegionalJoão Padeiro venceu a eleição “tampão” no município de Piên realizada hoje e que terá mandato até o fim de 2020. Depois de disputar as duas eleições anteriores e perder, ele será finalmente o prefeito da cidade. A disputa foi contra o ex-prefeito Ney Ciupka, que voltou a política depois de vinte anos.

Com 100% das urnas apuradas, Padeiro obteve 4.305 votos (57,10%), contra 3.235 votos de Ciupka (42,90%).

João Padeiro sempre se manteve próximo da população, como se fosse uma campanha permanente com o objetivo de chegar a prefeitura e não escondeu durante todo esse tempo o desejo de ser prefeito. “Eu me preparei para isso”, disse ele durante a campanha.

Na véspera das convenções passou por momentos turbulentos na escolha do vice, mas bancou o nome do empreiteiro Pedro Zanqueta, e depois conseguiu consolidar o apoio de todo o grupo. Agora, João Padeiro terá o pouco tempo de um ano até a nova eleição, quando certamente será candidato para dai sim ter um mandato inteiro.

Ciupka estava distante e “pagou preço” de apoios

Para muitos o candidato Ney Ciupka estava distante da população local e seu nome surgiu até como surpresa na disputa pela prefeitura. Além disso, teve que trabalhar durante toda a campanha com a desconstrução de apoios políticos que lhe eram atribuídos, em especial do grupo do ex-prefeito Gilberto Dranka. O seu candidato a vice, inclusive, esteve na base de Dranka durante muito tempo.

Agora, Ney Ciupka passa a ser um nome para a próxima eleição, mas para isso terá que criar uma nova identidade e formar um grupo que não traga referência ao passado.

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
LinkedIn
Share on telegram
Telegram
Share on whatsapp
WhatsApp
Share on email
Email