segunda-feira, 4
 de 
julho
 de 
2022

Impactos ambientais de uma guerra

São vários os impactos de uma guerra e é um trabalho muito difícil de mensurar com exatidão a gravidade de cada um deles. Logicamente temos uma tendência de primeiramente refletir sobre o impacto humano onde vidas são perdidas ou impactadas como consequência de um conflito. Vamos aqui tratar dos impactos ambientais tomando como questão orientadora os Objetivos de Desenvolvimento Sustentável (ODS).

Embora consigamos fazer relação dos 17 ODS com uma guerra, trataremos aqui da ODS 15 e 16. Na 15 temos como objetivo “Proteger, recuperar e promover o uso sustentável dos ecossistemas terrestres, gerir de forma sustentável as florestas, combater a desertificação, deter e reverter a degradação da terra e deter a perda de biodiversidade” e na 16 “Promover sociedades pacíficas e inclusivas para o desenvolvimento sustentável, proporcionar o acesso à justiça para todos e construir instituições eficazes, responsáveis e inclusivas em todos os níveis”.

A Organização das Nações Unidas (ONU), lançou em 2018, um alerta para os riscos à vida silvestre provocados pelo confronto na Ucrânia, que acontece desde abril de 2014. “O uso de munições e a destruição da infraestrutura industrial têm aumentado a poluição consideravelmente, já tendo afetado mais de 500 mil hectares. A devastação inclui 80 mil hectares de reservas naturais e 150 mil hectares de incêndios florestais. Apenas no primeiro ano do conflito, 479 hectares de mata foram destruídos de forma irreversível”, informou a pesquisadora Carla Trabazo para o site Diplomacia Civil.

Logicamente já podemos perceber, ao ter conhecimento dos dados acima, que a atual invasão russa ampliou consideravelmente os impactos já causados anteriormente. Se levarmos em conta então o risco de contaminação nuclear com o ataque aos complexos nucleares de Chernobyl e Zaporizhzhia, esta última sendo a maior usina da Europa, os danos ambientais podem ser irreversíveis.

A guerra não é boa para ninguém. Assistir o noticiário só nos traz a certeza de que conflitos não levam nada para lugar nenhum. Sofre a população, sofre a economia, sofre o meio ambiente… sofre o planeta!

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
LinkedIn
Share on telegram
Telegram
Share on whatsapp
WhatsApp
Share on email
Email