segunda-feira, 26
 de 
fevereiro
 de 
2024

Hospital e Maternidade de Pinhais é certificado como Amigo da Criança

Reconhecimento indica que as práticas realizadas pelo hospital estão de acordo com normativas do Ministério da Saúde e OMS. Foto: Roberto Dziura Jr/Prefeitura de Pinhais
Reconhecimento indica que as práticas realizadas pelo hospital estão de acordo com normativas do Ministério da Saúde e OMS. Foto: Roberto Dziura Jr/Prefeitura de Pinhais
Após passar por auditoria de reavaliação pelo Ministério da Saúde, a instituição recebeu, novamente, a certificação da Iniciativa Hospital Amigo da Criança (IHAC)

A prefeitura de Pinhais comemorou, recentemente, uma conquista para a área da saúde. O Hospital e Maternidade Nossa Senhora da Luz dos Pinhais, após passar por auditoria de reavaliação, recebeu novamente a certificação da Iniciativa Hospital Amigo da Criança (IHAC).

A avaliação foi realizada pela equipe do Ministério da Saúde responsável pela linha de atenção à saúde materno infantil, entre os meses de maio e julho. Para esta qualificação são seguidos os critérios dos 10 passos para a promoção do aleitamento materno, cada um possui uma série de itens que são avaliados.

Maria Cristina Grolli, diretora do Hospital Municipal e da UPA Pinhais, explicou a dinâmica da auditoria. “Para aprovação em cada passo a instituição precisa atender no mínimo 85% dos itens e deve ser aprovada em todos os passos”, detalhou.

De acordo com a diretora, o reconhecimento como Hospital Amigo da Criança reforça o compromisso da instituição com um serviço de qualidade. “O selo indica que a Instituição promove práticas exitosas em relação ao aleitamento materno, garantindo qualidade, a segurança na assistência materno infantil e a promoção do desenvolvimento saudável da primeira infância”, esclareceu,

Em ofício enviado à Secretaria Municipal de Saúde (Semsa) de Pinhais, o resultado da 1ª Reavaliação Trienal da IHAC do Hospital e Maternidade de Pinhais apontou que, em relação aos itens avaliados, a maternidade atingiu o esperado em todos os passos, com algumas oportunidades de melhoria observadas, como promover cursos de capacitação, reforçar as orientações e divulgação em relação ao processo de extração e doação de leite humano.

Assinado pela diretora de Atenção e Vigilância em Saúde da Secretaria de Estado de Saúde do Paraná, Maria Goretti David Lopes, no documento consta o reconhecimento ao trabalho realizado pela equipe do Hospital Municipal: “Parabenizamos a equipe clínica e não clínica pelo trabalho desenvolvido na assistência materno infantil, bem como a equipe gestora por apoiar o atendimento de forma qualificada e humanizada”, aponta.

 



Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
LinkedIn
Share on telegram
Telegram
Share on whatsapp
WhatsApp
Share on email
Email