Site icon Jornal O Regional

Dupla é presa por roubo em Fazenda Rio Grande

Dois homens foram presos pela Polícia Civil em Fazenda Rio Grande. Foto: Fábio Dias/EPR

Dois homens foram presos pela Polícia Civil em Fazenda Rio Grande. Foto: Fábio Dias/EPR

Investigações apontaram que dois homens, de 23 e 28 anos, teriam entrado em uma farmácia no bairro Nações, portando um simulacro de arma de fogo, no dia 15 de março, e subtraíram dois celulares e R$ 400

Dois homens, de 23 e 28 anos, foram presos preventivamente pela Polícia Civil do Paraná (PCPR), na última segunda-feira (1º), por roubo em um comércio em Fazenda Rio Grande.

O roubo, conforme as informações policiais, foi cometido por uma dupla que entrou em uma farmácia no bairro Nações, portando um simulacro de arma de fogo, no dia 15 de março. Foram subtraídos dois celulares e R$ 400.

O delegado da PCPR, Paulo Cesar, detalhou sobre as investigações do caso. “Através de diligências investigativas, bem como, com a ajuda das imagens das câmeras de segurança, foi possível se chegar à autoria do delito. A autoridade policial representou pela prisão preventiva dos envolvidos, que foi deferida pelo juízo da comarca”, afirmou.

Os indivíduos foram encaminhados ao sistema penitenciário.

Pensão alimentícia – Ainda em Fazenda Rio Grande, a PCPR prendeu um homem, de 42 anos, por falta de pagamento de pensão alimentícia. O homem contabilizava uma dívida superior a R$ 44.800.

De acordo com o delegado da PCPR Paulo Cesar, o mandado de prisão civil em desfavor do indivíduo foi expedido em fevereiro de 2011, em Viradouro, no Estado de São Paulo.

Após diligências, a equipe localizou o indivíduo no bairro Nações, em Fazenda Rio Grande, e o encaminhou ao sistema penitenciário.  A falta de pagamento de pensão alimentícia é o único caso de prisão por dívida existente no Direito Brasileiro.

Denúncias – A PCPR solicita a colaboração da população com informações que auxiliem na localização de foragidos, acionando, de forma anônima, os números 197, da PCPR ou 181, do Disque-Denúncia.



Sair da versão mobile