sexta-feira, 3
 de 
dezembro
 de 
2021

Câmara de Agudos do Sul aprova projeto de financiamento de R$ 5 milhões

Reunião da câmara de Agudos do Sul. Foto: O Regional

A câmara de Agudos do Sul aprovou, na sessão ordinária da noite desta segunda-feira (16), em segunda votação, projeto de lei de origem do executivo que autoriza o município a contratar operação de crédito junto a Caixa Econômica Federal. O valor do endividamento é da ordem de R$ 5 milhões.

Deste total, R$ 3,5 milhões são para obras de infraestrutura urbana. Um montante de R$ 500 mil é para pavimentação com pedras irregulares no meio rural. R$ 750 mil serão destinados para compra de um terreno para parque industrial no município. E os outros R$ 250 mil são para contratação de empresa para elaboração do plano diretor. O documento foi aprovado por todos os vereadores.

Três emendas aditivas foram apresentadas pelo poder legislativo. Uma delas cita nomes de ruas a receberem pavimentação. Segundo o vereador Genezio Ferreira, investimentos para outras vias não citadas serão buscados junto a outras esferas governamentais. O legislador Monsa Kerscher ressaltou que os nomes das vias foram definidos em consenso entre vereadores e executivo.

Outra emenda elenca bairros a receberam pavimentação rural, sendo eles Pavão, Taquara Lisa, Lagoa do Pretos e Colônia Nova. De acordo com o legislativo, são localidades não contempladas com recursos de outras esferas. E uma terceira emenda determinou prazo de 12 meses para início das obras após aprovação do financiamento pela Caixa. O presidente da câmara, Leonides Ferreira de Melo, citou a importância do projeto e elogiou o consenso entre os legisladores nas emendas.

O prefeito Jessé Zoellner destacou o diálogo aberto com os vereadores e a população na destinação destes recursos. Segundo ele, durante dois meses e meio houve debates do assunto com o legislativo, além de visitas aos locais a serem beneficiados. Sobre o valor para infraestrutura urbana, explica que ele será aplicado em pavimentações em mais de dez ruas no Centro e bairros como Leão, Vila Nova e Progresso. “Acreditamos que um montante de R$ 1 milhão será liberado ainda para este ano e R$ 4 milhões para 2022”, completou o prefeito.



Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
LinkedIn
Share on telegram
Telegram
Share on whatsapp
WhatsApp
Share on email
Email