logo aen
banner-caicara
ps-banner468x60
<< >>

Condenação do Lula: o que comemorar?

26 de janeiro de 2018 em Editorial - Comente

O brasileiro tem motivos para comemorar a condenação do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva? Pensamos que não. Na verdade, temos motivos, e de sobra, para se entristecer com tudo isso que aconteceu. Para o Brasil é uma grande vergonha termos dois impeachments em tão curto espaço de tempo e agora um presidente condenado por corrupção. A condenação ainda nos remete a outros fatores, inclusive, não menos importantes.

A condenação do ex-presidente Lula demonstra que a lei deve ser para todos. Obviamente que existem muitos questionamentos contraditórios sobre a forma como se deu o julgamento e a “velocidade” em que ele aconteceu. Mas, diante de tantos depoimentos e da real presença de Lula no famoso tríplex, seria estranho se tudo ficasse ao vento.

Mas comemorar a condenação do Lula é comemorar a justiça prevalecendo sobre o mal feito ou é comemorar a derrocada do Partido dos Trabalhadores? Porque, vejamos, houve comemoração quando o ex-ministro Geddel Vieira Lima foi preso? Quando o ex-assessor especial da presidência, Rodrigo Rocha Loures, foi preso? Quando Sérgio Cabral, Anthony Garotinho e Rosinha Matheus foram presos? É importante fazermos a reflexão para que não exista essa personificação em relação a esse ou aquele partido ou esse ou aquele político. O combate à corrupção deve ser generalizado.

O Paraná, infelizmente, tem muitos casos de prejuízos ao dinheiro público denunciados ou em julgamento. Políticos e pessoas envolvidas continuam levando suas vidas normalmente e muitos ainda ocupando cargos eletivos. Curiosamente, há deputados nessas condições saindo na foto com prefeitos e vereadores durante repasse de recursos para as prefeituras. Devemos comemorar isso? Um deputado denunciado por corrupção, que continua no cargo, fazendo propaganda com recursos oriundos dos nossos impostos para ficar ainda mais tempo no cargo. Entendeu?

Sabe quem pode decidir se esses políticos vão ou não continuar com seus referidos cargos? Você. O eleitor brasileiro.

A comemoração deve se estender para todos os políticos corruptos e a justiça, da mesma forma, deve ser feita em todos os casos. Lula foi condenado, ok. E os tantos outros que estão aí com denúncias e julgamentos parados nos tribunais?

A Justiça precisa fazer a sua parte. E o eleitor melhorar o seu voto.

Deixe seu comentário