logo aen
banner-caicara
ps-banner468x60
<< >>

Politicando 06/10/2017

6 de outubro de 2017 em Politicando - Comente

Reforma política. Foto: DivulgaçãoReforma política I

Os senadores concluíram ontem a votação da reforma política com a intenção de que as alterações feitas passem a valer já em 2018. O texto precisa ser sancionado pelo presidente Michel Temer. A principal novidade é a criação de um fundo com recursos públicos de R$ 1,7 bilhão para financiamento de campanhas. O novo recurso vai se somar aos cerca de R$ 1 bilhão que chega aos partidos políticos através do Fundo Partidário.

Reforma política II

O novo texto sobre o processo eleitoral no Brasil acaba com a propaganda partidária obrigatória. Por outro lado, permite o patrocínio de conteúdos nas redes sociais (internet) e também permite que seja feita propaganda eleitoral por telemarketing. Neste último caso não é valido que o trabalho será contratado por empresa do setor.

Reforma política III

O voto impresso, que era esperado como uma das principais mudanças na legislação eleitoral a partir do próximo ano, não será realidade tão cedo. O novo texto sobre a reforma eleitoral prevê que a impressão do voto passe a ser obrigatória na eleição de 2022. A doação para campanhas continua valendo apenas para pessoas físicas.

PRB Paraná

Acontece hoje, em Curitiba, a posse da nova direção do PRB no Paraná. O partido pretende fazer uma ofensiva de filiações e apresentar um projeto que contemple candidatura própria para o governo do estado, senado, câmara federal e assembleia legislativa. O novo presidente estadual é Valdemar Bernardo Jorge, formado em direito, tem ampla ligação com os setores da agroindústria e da agricultura.

Piên

A Justiça julgou ontem e negou mais um pedido de habeas corpus para o ex-prefeito de Piên, Gilberto Dranka. A informação foi divulgada no fim da tarde pelos advogados de defesa das famílias do prefeito eleito Loir Dreveck e de Genésio de Almeida, ambos assassinados no ano passado. Dranka e os outros três acusados pelos crimes continuam presos e aguardando julgamento.

Quitandinha I

Foi retirado temporariamente de pauta na câmara de Quitandinha o projeto de lei de autoria do executivo que quer regulamentar a realização de serviços em propriedades rurais. O vereador João Purungo (PSB), que é da base da situação, apresentou emenda reduzindo os valores das taxas a serem pagas pelos agricultores. Com isso, o projeto com a emenda será analisado nas comissões antes de voltar à pauta. A direção do legislativo diz não ser contra a iniciativa, mas que pontos importantes devem ser revistos.

Quitandinha II

A atual administração da prefeitura de Quitandinha considera o projeto chamado de “Porteira Adentro” benéfico para o município. Os vereadores, que votam e aprovam a proposta, também afirmam serem favoráveis ao projeto. Porém, até agora os dois lados não conseguiram entrar num consenso para aprovar a regulamentação. A população se pergunta: qual a dificuldade em sentar numa mesa e analisar ponto-a-ponto, esclarecendo dúvidas, corrigindo eventuais diferenças e finalizar o impasse?

Tijucas do Sul

O ex-prefeito de Tijucas do Sul, Altair Gringo (PP), voltou ao volante do caminhão e atividade madeireira. Leva sua vida normalmente no município, mas não consegue escapar dos comentários sobre política quando vai ao banco, ao supermercado ou a igreja. Ele diz que respeita a decisão da população de mudança na gestão, mas lembra ter avisado que ninguém faria “milagre” e que o resultado poderia não ser o esperado.

Campo do Tenente

Prefeitura e câmara de vereadores de Campo do Tenente estão unindo esforços na negociação com a empresa Pão Nino, que recentemente demonstrou interesse de instalação de uma unidade no município. Os legisladores, por sinal, estão acelerando toda tramitação de documentos necessários. Nesta semana eles foram até a empresa para a assinatura do protocolo de intenção.

Deixe seu comentário